Cardeal condenado por pedofilia é preso e será investigado pelo Vaticano

O cardeal de 77 anos foi declarado culpado em 11 de dezembro de uma acusação de agressão sexual e de outras quatro de acusações de atentado ao pudor contra dois coroinhas de 12 e 13 anos