Unidades de saúde terão informações integradas em até dois anos

Os dados de pacientes em prontuários e históricos serão compartilhados em mais de 2.300 estabelecimentos de saúde no Ceará, visando à maior agilidade no atendimento e à identificação de comorbidades em regiões do Estado