Capital reduz taxas de mortalidade materna e alcança meta da OMS

Entre 2012 e 2018, índice caiu de 64,8 para 25,1 por 100 mil nascidos vivos. Investimentos na atenção primária são responsáveis pelos resultados, segundo Secretaria Municipal da Saúde