Fortaleza tem 130 mil famílias sem moradia adequada

Mais de 1,4 mil pessoas buscaram assistência jurídica em 2019 na Defensoria Pública; falta de lugar salubre para residir e pedidos de Aluguel social lideram atendimentos de fortalezenses