Fortaleza ganha primeira Cordelteca aberta ao público

Com 1,2 mil folhetos de cordel, a Cordelteca Maria das Neves Baptista Pimentel está aberta ao público na Biblioteca da Unifor