"Não sou rei de nada", diz Pablo, intitulado pelos fãs de "rei da sofrência"

O artista se apresenta sábado em Fortaleza, no Galpão G4

Pablo

O tão aguardado show do cantor Pablo acontece neste sábado, no Galpão G4. Apesar de ser sua primeira apresentação na cidade, o artista contou, em bate-papo com o Diário do Nordeste, que já conhece Fortaleza. "Já fui várias vezes, inclusive com meus filhos ao Beach Park, e sempre faço shows pelo interior do Estado. Estou muito feliz. Fortaleza é uma cidade encantadora. Eu adoro".

Questionado sobre o título que recebeu dos fãs, "rei da sofrência", por conta das letras com teor romântico e que reforçam a dor de cotovelo, ele é categórico: "Costumo falar que não sou rei de nada", justifica. "Não gosto de me patentear com nada. O público que criou esse termo, e achei divertidíssimo".

Com sucessos como "Fui fiel", Bilu Bilu" e "Porque homem não chora", Pablo garante animar os cearenses. "O repertório tem uma mesclagem de hits que marcaram a minha carreira, assim como músicas novas", diz ele, que atualmente viaja com turnê baseada em seu mais recente disco, "É só dizer que sim".

O cantor ainda falou do desafio de puxar um bloco no Carnaval de Salvador. 2015 será o terceiro ano seguido que ele participa do evento, considerado o maior do País. "O público cobra bastante isso, e a gente atende com muito prazer". Dentre suas referências musicais, está a dupla Zezé di Camargo e Luciano. Sobre os ídolos, ele ainda adiantou uma novidade: "Em Salvador, neste ano, terei como convidado super especial o Luciano. Vai ser uma honra dividir o palco com ele".

Resultado de um trabalho árduo

Fazendo cerca de 28 shows por mês, Pablo, que já tem 15 anos de carreira, fala sobre a explosão nacional. "Vejo como algo natural de um trabalho feito com muito carinho e empenho. Afinal, o sucesso não vem sozinho".

Natural de Candeias (BA), o artista se autointitula criador do arrocha. "Veio de uma expressão que a gente falava na seresta. 'Arrocha' para os casais dançarem agarradinhos. E de lá pra cá, o público deixou de falar vamos para seresta, e sim, vamos para o arrocha".

Para 2015, quer gravar um DVD acústico, mas prefere não adiantar os detalhes. "Ainda não tem nada definido".

Confira um dos sucessos de Pablo:

Pablo e Solteirões se apresentam sábado (24), no Galpão G4 (Av. Osório de Paiva, 3366, Parangaba), a partir das 22h.  Os valores dos ingressos variam de R$ 25 (pista meia) a R$ 100 (camarote inteira). Contato: (85) 3295.7868.