Os (bons) sons que brotam do fundo da casa

Terceiro registro da baiana Clécia Queiroz, "Quintais" prima por reacender a sonoridade do samba de roda

Image-0-Artigo-2074282-1
A cantora Clécia Queiroz: diálogo com cultura afro e produção independente Foto: Manu Dias/divulg.

Há um aconchego insólito entre o cômodo localizado no fundo das casas - geralmente um recanto mais íntimo de encontros - e os sons que integram o novo registro fonográfico da baiana Clécia Queiroz. É que a cantora e compositora esgueira-se nesses detalhes, por vezes esquecidos nas quebradas dos lares, para compôr um acervo musical rico em detalhes e apelos cotidianos. São confissões e alegrias diluídas em canções.

Terceiro disco lançado pela artista, "Quintais" traz uma compilação que passeia por esses pormenores para se fazer palavra e expressão lírica. Fruto de uma pesquisa sobre o samba de roda, o CD tem como palavra de ordem a pluralidade, já que prima por um recorte multifacetado de estilos.

Em 15 faixas, têm-se distribuídos sotaques do próprio samba de roda - especialmente o "samba-corrido" e a "chula", típicos do Recôncavo Baiano -, bem como variações de outros ritmos afro-brasileiros, entre eles a cabila, o jongo, o maxixe e o ijexá.

"O disco é uma forma de resgatar essas variedades de samba, principalmente o samba chula. A técnica dele envolve trazer a percussão para a viola e, por esse motivo, é menos executado, já que é muito difícil fazer isso. Ao mesmo tempo, nossa pretensão também sempre foi continuar trabalhando com a poesia, unindo diversos ritmos e gêneros afro", explica Clécia. Lançado no último mês, "Quintais" está disponível para compra no site oficial da cantora e nas lojas Pérola Negra, na Bahia - com frete para todo o Brasil - jogando luz à versatilidade musical baiana.

Parcerias

O historiador e músico Vítor Queiroz, sobrinho da cantora, também colaborou com o projeto, cuidando, com Clécia, da seleção do repertório. "Daí o título do CD ser 'Quintais'. A maioria das nossas reuniões era assim, com essa informalidade, o que nos propiciou pensar mais a respeito de como queríamos trabalhar", esclarece a cantora.

A parceria rendeu bons frutos. Abrindo com "Anjo Fugido", é também com "Pedra, papel e tesoura" e "Areia Branca" que fica ainda mais claro o clima familiar e descompromissado do álbum. Já "Caruru", "Salve Xangô" e "Amurê" passeiam com facilidade pelos sons firmados em terras africanas, investindo em batuques inquietos e organicidade.

Lá pelas tantas, a faixa-título, amparada anteriormente pelo belíssimo medley "Homenagem a Oxum", traduz toda a sintonia que o CD quer buscar com o público: é tranquila, confessional, romântica e afro-brasileira. Amparada pela pungente voz de Clécia, é impressão certeira de um projeto plural e sem amarras.

Progressão

Lançando seu primeiro disco no mercado em 1997, "Chegar à Bahia", e capitaneando outro 12 anos depois, "Samba de roque", Clécia enxerga em "Quintais" uma maneira de oferecer mais um olhar sobre as diferentes sonoridades que permeiam sua terra natal.

De acordo com ela, "o 'Chegar à Bahia' serviu para mostrar às pessoas que a Bahia não é só uma terra de sons de carnavais, por isso as canções eram mais tranquilas. Já 'Samba de Roque' abriu mais nosso leque de trabalho devido à influência do cantor e compositor Roque Ferreira. Agora, com 'Quintais', o que predomina mesmo é esse retorno às raízes afro-brasileiras, sem deixar de promover poesia, intimidade", detalha.

Nascida em Ilhéus - mesma cidade onde o escritor Jorge Amado imortalizou suas obras - Clécia busca na diversidade de sons brasileiros sua maior inspiração. Também premiada atriz e pesquisadora da cultura afro-baiana, continuamente faz, em suas músicas, referências ao Candomblé, promovendo um diálogo entre realidades que vivencia e pelas quais é apaixonada.

Sobre seu mais recente trabalho, ela adianta: "É uma grande satisfação poder trazer mais um CD para o público. Os longos hiatos de lançamento sempre são devidos à falta de patrocínios, afinal sou uma cantora independente. Mas é ótimo ver o quanto a minha música é valorizada e o quanto todo o nosso esforço e cuidado em trazer sempre o melhor é recompensado", comemora.

Mais informações:

CD "Quintais", da cantora Clécia Queiroz. Disponível para compra no site www.Cleciaqueiroz.Com ou nas lojas Pérola Negra, na Bahia ou através de frete.

Contato: (71) 3336-6997.