Matéria-1109083

Além de tocar no fim dos Jogos, Blur já prepara álbum de inéditas
Além de tocar no fim dos Jogos, Blur já prepara álbum de inéditas Agência Reuters
Festa olímpica

Os Jogos Olímpicos de Londres começam só em 27 de julho, mas só o que se fala são dos artistas cotados para apresentações ao longo do evento


Vocês não acham que essas Olimpíadas tão mais para um festival de música do que para o mais importante evento esportivo do mundo?

Essa é a impressão que dá, uma vez que os organizadores não estão economizando esforços em glamourizar a competição ao trazer os principais astros da cena britânica (alguns, para falar a verdade, questionáveis como as Spice Girls).

Se o intuito é mesmo atrair a maior audiência da história, é quase certo que a edição de 2012 da competição consiga atingir tal feito.

Enfim, além de prometer ser literalmente um show à parte, as Olimpíadas também serão palco de novas reuniões. É o caso do Blur, que recebeu inclusive prêmio, no Brit Awards, "por sua excepcional contribuição à música", 21 anos depois do álbum de estreia, "Leisure". Para se ter uma ideia, só Paul McCartney, U2 e Oasis receberam esse tipo de reconhecimento nessa premiação.

Na ocasião, o líder Damon Albarn e Noel Gallagher esqueceram a rivalidade da época em que o Blur e o Oasis disputavam o topo das paradas, deixaram-se fotografar abraçados e ainda rasgaram aquela seda recíproca. Para os Jogos, o quarteto foi confirmado como atração do show de encerramento ao ar livre, que acontecerá no dia 12 de agosto. Nesse mesmo dia, a premiada Adele, The Specials e New Order também se apresentam no Hyde Park, completando o line-up. Estima-se que 750 milhões de pessoas assistirão ao show, fazendo dele o segundo maior evento televisivo do mundo, atrás apenas da cerimônia de abertura.

Apelo pop

As Spice Girls também voltam a dar as caras no cenário pop, só que na abertura da cerimônia, no dia 27 de julho. Afastadas desde 2007, as integrantes tentaram ainda engatar participação nos festejos dos 60 anos do reinado de Elizabeth II, entre os dias 2 e 5 de junho, mas não vai acontecer. Embora Mel. B. tenha falado demais, Mel. C teve que negar depois.

Ainda é dúvida, mas..

Apesar de ainda não terem dito o sim oficial, os Rolling Stones também estão cotadíssimos para se reunirem no evento esportivo. A apresentação contaria com participação até do The Faces, contemporâneos dos Stones. Isso sim seria um encontro histórico!

Motivos não faltam para que o reencontro aconteça. O principal deles é o aniversário de 50 anos de banda. Tocar em um evento desse porte numa data tão marcante seria conveniente para todo mundo, né? Os fãs também agradeceriam!

Quem soltou a notícia foi o baixista Ronnie Wood, que adiantou também que eles estão prestes a marcar as datas de uma turnê comemorativa. "Individualmente, já estamos preparados. É só uma questão de dar os nós que faltam e nos reunirmos como um grupo", declarou à revista Radio Times.

Rocket Man!

Outro nome acertado para a abertura é Elton John, astro que inclusive terá sua trajetória estrelada nos cinemas por Justin Timberlake. Famoso por suas performances grandiosas e extravagantes, o cantor quer inovar mais uma vez e chegou a falar no Muse para se apresentarem juntos (grupo o qual já declarou ser fã assumido). Será que rola mesmo? Eu fico aqui na torcida!

Sonho?

Ainda no terreno da especulação, os organizadores das Olimpíadas 2012 também estariam sonhando alto com aquisições aparentemente difíceis, porém possíveis.

O grande triunfo seria juntar Paul McCartney com Ringo Starr (o mais próximo que se pode chegar de uma reunião dos Beatles), mas o impasse seria mesmo a vontade dos dois. Vale lembrar que Macca chegou a ser anunciado como uma das atrações da abertura. Para ter certeza, só mesmo esperando!

Ex-membros do Led Zeppelin também chegaram a ser assediados, mas não tem quem faça eles arredarem o pé por conta das diferenças do passado.

The Who

O The Who chegou a ser anunciado em 2011 para o encerramento, mas, pouco tempo depois, o site oficial do grupo desmentiu a informação. O que é verdade mesmo é que o vocalista Roger Daltrey e o guitarrista Pete Townshend, os músicos remanescentes da banda, começam uma turnê esse ano para celebrar também o seu 50º aniversário, com show do "Quadrophenia", épico álbum de 1973.

Viajaram!

Entretanto, de todos esses artistas que foram anunciados ou cogitados, o que mais polemizou foi um novo retorno do Pink Floyd. Quem não gostou nadinha da notícia, publicada no início de janeiro pelo Daily Express, foi David Gilmour, Roger Waters e Nick Mason.

Segundo o jornal britânico, a ideia era convidar nomes que marcaram a cultura britânica nos últimos 40 anos. "Faz sentido que agora eles estejam envolvidos em um momento que Londres está em destaque", disse uma fonte.

Indignado, o guitarrista acionou na mesma hora a sua assessoria para desfazer do mal-entendido. "David Gilmour pode confirmar que não há verdade nas recentes especulações da mídia sobre o Pink Floyd se reunir para uma apresentação nas Olimpíadas de 2012", informou o comunicado. Mas que seria perfeito, seria!

J.Lo no Ceará?
Os rumores de que Jennifer Lopez poderá fazer um show em Fortaleza têm rolado há alguns dias, mas ganharam força após notícia do IG. Segundo o portal, a cantora retornaria ao Brasil no fim de março para gravar programa, com Rodrigo Faro, em que irá escolher o bailarino de sua nova turnê, e para apresentações no Rio, São Paulo e Fortaleza. Segundo o site, as performances fariam parte do Pop Music Festival, que ano passado trouxe Shakira. Segundo o site, o festival estaria sendo organizado pela XYZ, aconteceria entre 23 e 29 e percorreria as cidades citadas. A coluna entrou em contato com a assessoria da produtora, que não confirma datas do evento nem negociação com a artista.

Disco solo
Lemmy Kilmister está gravando álbum solo com participações de David Grohl, Joan Jett, Damned, Skew Siskin e Reverend Horton Heat. A ideia do novo projeto foi o amigo Jeff Beck. "E ele é o único que ainda não conseguiu encontrar tempo para fazer a maldita faixa, o que é típico do Jeff", alfinetou o líder do Motörhead. Disco deve sair em 2013.

Aniversário punk!
Comemorando 35 anos, o Sex Pistols relançará uma versão expandida do lendário "Never Mind the Bollocks, Here´s the Sex Pistols" (1977). A nova edição faz parte de uma série de ações temáticas, a serem divulgadas ao longo do ano. É bem possível que a banda, liderada por Johnny Rotten, retorne aos palcos para celebrar a data.