Matéria-1014210

Banda Uó
Banda Uó
Brega e chique!

Ninguém dá nada, a começar pelo nome, mas é difícil não se render ao charme tecnobrega da banda Uó, grande atração da festa Mind The Gap, sábado, a partir das 22h, no Music Box Club. Mais uma dessas bem-humoradas revelações da web, o trio - formado por Mel Gonçalves, Mateus Carrilho e Davi Sabbag - virou fenômeno com uma versão kitsch do hit "Whip my hair", da cantora pré-adolescente Willow Smith.

Veja clips da banda



Em "Shake do amor", música que fez os goianos despontarem na internet, a produção do clipe é de alto nível, de tosco não tem nada. Até porque a direção ficou a cargo de Mateus, que é também publicitário e já trabalhava com vídeos. O ferro velho e o figurino exótico e colorido só ressaltam essa proposta do trio, que tem como influências ícones "do que é considerado brega", segundo a performática Mel, de 21 anos. "Nós adoramos As Marcianas, Wando, Reginaldo Rossi e Gretchen", afirma.

E a pegada pop do grupo? "Ah, é influência de cantoras como Beyoncé, Britney Spears, Cristina Aguilera. Mas também temos como referências Calypso, Companhia do Calypso, Aviões do Forró e o axé em geral", destaca a vocalista, que inclui ainda nesse caldeirão de ritmos uma "batida mais forte do rock".

Indagada sobre essa repercussão viral da banda, Mel confessa que se surpreendeu com o sucesso. "Na verdade, a gente não esperava estourar tanto. Tudo começou com ´Não quero saber´, um vídeo feito especialmente para a Festa Uó, bastante conhecida em Goiânia. As pessoas acabaram gostando da brincadeira e o nome acabou pegando. A gente atribui isso à diversão, o pessoal gosta e isso que é legal. Acho que não tinha nada parecido", recorda.

Não demorou para o trio ser reconhecido nas ruas. "Uma vez, fui comprar peito de peru no supermercado. Uma mulher atrás de mim comentou com o marido: olha, a moça do vídeo. Já pediram autógrafos. Para mim, é engraçado e estranho. Não estou acostumada com isso", conta aos risos Mel, que faz o que pode para conciliar à carreira de cantora e promoter e produtora de moda. "O foco agora é a banda".

Além de "Shake do amor", a neo diva promete um repertório de músicas próprias e outras versões divertidas. "Não quero saber" é uma releitura de "Teen Age Dream", de Katy Perry; "Gosto Amargo do Perfume" ganhou uma roupagem eletrobrega de "Something Good Can Work", do Two Door Cinema Club; e "Louca Paixão" é um tributo a "S & M", de Rihanna.

Com um EP lançado das versões, o "Me emoldurei de presente pra de ter", a Uó se prepara para lançar um EP de canções autorais, mas sem previsão de lançamento. "A gente ainda está compondo. Ainda tem muita coisa pra rolar".

Concorra a um par de ingressos no blog Sound. É só fazer um comentário no post da coluna!

MAIS INFORMAÇÕES

Festa Mind The Gap com Banda UÓ, sábado (dia 23), a partir das 23h, no Music Box Club (Rua José Avelino, 387 - Centro). Ingressos antecipados: R$ 30 (duplo) e R$ 20 (individual). (3224.6419/ 3219.3699).

Rock In Rio

Ke$ha foi a última atração confirmada na programação do dia extra do Rock In Rio. A americana se apresenta no dia 29 de setembro (quinta-feira) no Palco Mundo. Além da loura, integram o line-up do festival carioca Steve Wonder, Jamiroquai, Janelle Monáe e o Concerto Sinfônico Legião Urbana. No Palco Sunset, Joss Stone será a grande estrela, em uma noite que vai ter também Afrika Bambaataa com Paula Lima, Diogo Nogueira com Davi Moraes e o Baile do Simonal e a dupla Curumin e Marcelo Jeneci. Os ingressos para a pré-venda já esgotaram, mas os fãs poderão adquirir novos bilhetes a partir de sábado (23 de julho), às 0h01. Mais informações no http://www.rockinrio.com.br

DVD

Falando em Rock In Rio, um DVD reunindo o histórico encontro entre Ira! e Ultraje a Rigor na edição de 2001 do festival, chega às lojas em agosto. Apesar do tempo reduzido da apresentação, as duas bandas arrancam coros das multidões com hits como "Envelheço na cidade", "Ciúme" e ainda o cover de "Should I stay or should I go", do The Clash.