A prova de fogo do novo Centro de Eventos

Antes mesmo da inauguração oficial e com detalhes a concluir, o local deve receber 25 mil pessoas amanhã

Quase um ano depois da primeira data anunciada para a inauguração - agosto de 2011 - o novo Centro de Eventos do Ceará finalmente será aberto ao público. Amanhã, o prédio será palco do Arte Music Festival, com shows de Ivete Sangalo e Jennifer Lopez no line up. O público esperado é de 25 mil pessoas. Ainda com trabalhadores no local e a inauguração oficial prevista apenas para o próximo mês de agosto (com apresentação do tenor Plácido Domingo), fica a dúvida: vai dar tudo certo?

Na tarde da última quarta-feira, o Caderno 3 visitou as instalações e traz detalhes sobre a estrutura e a logística para o grande dia. Apenas um dos dois pavilhões será aberto ao público, que terá acesso apenas ao primeiro piso. Durante a montagem do espetáculo, que começou segunda-feira, o salão de 13.800 metros quadrados onde foi erguido o palco já estava iluminado e com ar condicionado a pino.

Havia andaimes por toda parte. Trabalhadores corriam para terminar a montagem do palco e preparar o lugar com toda a estrutura necessária. Em números, serão 16 pontos de bares, 12 quiosques com lanchonetes, além de uma praça de alimentação e 200 banheiros, entre permanentes e químicos. A plateia estará dividida entre camarotes elevado e térreo, frontstage e pista. Apenas o palco terá 600 m2 de área, com 20 toneladas de equipamentos. Serão quatro telões e o mesmo sistema de som utilizado no último Rock in Rio. As informações são da assessoria de imprensa do Arte Music Festival.

Entrada

O Centro de Eventos será aberto às 18 horas. O público terá acesso por três portões na frente do primeiro pavilhão, pela Avenida Washington Soares, divididos de acordo com o ingresso - pista, frontstage e camarotes. Os portões dão acesso ao foyer do Centro de Eventos, que estará ambientado com dois lounges. Um deles, exclusivo para o público dos camarotes. O outro, com apresentações de Le Parkour, Street Dance e outros grupos. Os shows serão realizados no espaço à frente do Foyer, todo climatizado, com capacidade, avaliada pela organização do evento, para abrigar 28 mil pessoas. Na visão de quem estiver de frente para o palco, a passagem do foyer é feita pelos portões à esquerda, com a frente do palco dividida entre o espaço para camarotes, à esquerda, frontstage, à direita e pista ao fundo. As saídas de emergência estão distribuídas à direita do palco.

A primeira apresentação está agendada para as 20 horas, com a banda cearense Arsenic. A baiana Ivete Sangalo será a segunda a subir ao palco, às 21h30. O show de Jennifer Lopez deve começar à meia noite, com atraso máximo previsto pela organização de meia hora. E, encerrando o festival, com a missão de manter o público embalado madrugada à dentro, às 2h, entra o Dexterz.

Para quem pretende ir de carro ao show, um aviso: o novo Centro possui apenas 3.225 vagas de estacionamento. Destas, 1.725 são cobertas, localizadas no subsolo do prédio e pelas quais serão cobrados R$ 20,00 pela utilização. As 1.500 restantes são gratuitas e descobertas. Antecipando uma possível lotação das vagas disponíveis, a organização articulou uma alternativa de estacionamento nos shoppings Iguatemi e Via Sul.

Nos dois locais, serão disponibilizados ônibus da linha Top Bus, da Expresso Guanabara, partindo de 10 em 10 minutos em direção ao local do show. O custo total para quem fizer esta opção é de R$14, incluindo uma taxa única de estacionamento a R$4, e trecho de ida e volta de ônibus a R$5 cada.

Acessos

Um dos pontos cruciais de dúvida quanto a o sucesso da pré-inauguração do Centro diz respeito ao translado de chegada e saída do público ao local. Até o momento, apenas dois dos quatro túneis previstos para dar vazão ao trânsito no entorno foram parcialmente liberados. Para quem chega ao local, o acesso será pela Rua Desembargador Manuel Sales, passando pelo túnel Antônio Bandeira em sentido único e acessando a Avenida Paisagística, que passa por trás do segundo pavilhão.

De acordo com o Secretário do Turismo do Estado, Bismarck Maia, o acesso pelos túneis não será problema. Ele diz que até sexta-feira os túneis devem estar completamente liberados, inclusive os dois que ainda estão fechados. "Teremos também todo o apoio da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Estadual e trabalharemos em parceria com a Autarquia Municipal de Trânsito. Tudo está a contento", afirma.

O túnel Olga Barroso faz o caminho que cruza de volta a Av. Washington Soares, também em sentido único. É sobre este túnel, que fica na Rua Firmino Rocha Aguiar, entre o Centro de Eventos e o Shopping Salinas, que está sendo construída uma passarela provisória que permite ao pedestre cruzar a Washington Soares. A passagem terá 55 metros de comprimento, por 2,20 metros de largura e deve estar pronta na sexta-feira, segundo o secretário. É por lá que vai atravessar quem for de ônibus ou estacionar o carro do outro lado da avenida. Com a abertura dos túneis e retiradas dos semáforos fica quase impossível atravessar a avenida sem o equipamento.

Em maio, a ausência de passarelas no projeto gerou polêmica depois que Bismarck justificou a ausência por entender que "quem vai para lá (para o Centro de Eventos) não anda a pé". Depois de voltar atrás, um projeto definitivo para a construção das passarelas deve ainda ser elaborado. "Estamos encaminhando ao DER (Departamento Estadual de Rodovias) o pedido para providenciar projeto técnico. Queremos algo que seja bonito, com tecnologia de acessibilidade, que se integre a fachada e dê visibilidade ao Centro de Eventos", argumentou. Quanto ao prédio, Bismarck é taxativo: "Está pronto! Está gelado, estão montando o palco, a parte elétrica está pronta, está tudo certo", garantiu.

Mais informações:

Arte Music Festival, amanhã, no Centro de Eventos, a partir das 18 horas.

FÁBIO MARQUES
REPÓRTER