Criada por Chico Bill, banda Forró Real comemora 30 anos em live com ex-cantoras

A primeira edição da coluna "É Hit" traz a história de três décadas da banda Forró Real. O sonho do empresário Chico Bill que conquistou várias cidades do Nordeste

Manu Castro, Fernandinho e Sebasthian estão à frente dos vocais atualmente. Nildinha participa de shows pontuais e festivais
Legenda: Manu Castro, Fernandinho e Sebasthian estão à frente dos vocais atualmente. Nildinha participa de shows pontuais e festivais
Foto: Felipe Feijó

Uma banda familiar. Essa é a melhor definição do Forró Real. O grupo comemora 30 anos em 2020. Para abrir as festividades, uma live com participações de Nildinha, Taty Girl, Gil Mendes, Samyra Show, Laninha Show, Janaina Alves, Neném Cat e Suzy Navarro será realizada no dia 31 de julho, pelo YouTube. Além de reviver as passagens das vocalistas pela banda cearense, a transmissão arrecadará donativos para instituições filantrópicas.

Atualmente, Fernandinho, Manu Castro e Sebasthian estão à frente dos vocais. O Forró Real nasceu do empenho e coragem de Francisco Sales de Menezes, o Chico Bill. Ele faleceu em 2013, em um acidente de carro. Ativo no mercado forró até a melhor idade, ele também ficou conhecido no Ceará pelas casas de show como o Palhoça e o Forrozão do Chico Bill, em Caucaia (CE).

Nildinha, 42, ex-cantora do Forró Real e filha de Chico Bill, conta que a criação da banda aconteceu após a falta de uma banda contratada na casa de forró do pai. "Ele recebeu muita reclamação do público que foi no show e não tinha cantor. Naquele momento, ele disse que faria um grupo para que as pessoas não ficassem mais com raiva dele".

Pouco tempo depois, ele vendeu uma linha telefônica que havia comprado. Quem adquiriu um telefone fixo antes das grandes privatizações do fim dos anos 1990 ganhava ações de empresas de telefonia. Com o dinheiro em mãos, ele comprou os primeiros instrumentos da banda.

Mas a ascensão do Forró Real não foi fácil. Para que a banda começasse a realizar shows, Chico Bill pedia, de porta em porta, uma oportunidade aos donos das casas. "Lembro-me bem um show memorável no Cajueiro Drinks. Também foi assim no Parque do Vaqueiro, Três Amores e outros locais. Depois de um tempo, fomos chamados espontaneamente por essas casas".

Para ter uma ideia do esforço de Chico Bill, o primeiro ônibus do grupo foi comprado de um fazendário de Caucaia. O veículo só tinha metade das cadeiras, pois era usado para levar cavalos. "Foram coragem e força do meu pai. Ele não sabia ler e nem escrever. Ele não tinha medo de nada e fazia o que queria mesmo assim", ressalta Nildinha.

Sucesso

Músicas como "Tudo Vai Rolar", "Jeito de Amar" e "Benedita Aparecida" lançaram o Forró Real para o Nordeste, entre os anos 1990 e 2000. O ápice, destacado por Nildinha, foi a apresentação da banda em uma edição do Fortal.

Em 30 anos de existência, o grupo contou com passagens de nomes que seguem em carreira solo, destaque para artistas como Taty Girl, Gil Mendes e Samyra Show.

A banda começou o ano de 2020 bem. Atualmente, o Forró Real faz parte do casting de artistas da Camarote Shows e Eventos - empresa sob gestão de nomes como Watila Oliveira, irmão de Wesley Safadão.

Você tem interesse em receber mais conteúdo do É Hit?