Ceará lança 10 mil novas vagas de cursos de qualificação do Programa Primeiro Passo

O Estado entregou certificados a mais de 3 mil jovens que participaram da iniciativa

Escrito por Redação,

Ceará
Adolescente com blusa do Programa Jovem aprendiz rabisca quadro branco de costa
Legenda: A iniciativa atende pessoas entre 14 e 29 anos
Foto: Natinho Rodrigues

O Governo do Ceará certificou, nesta sexta-feira (24), 3.416 jovens participantes do Programa Primeiro Passo. Na ocasião ainda foram lançadas 10 mil novas vagas para cursos de qualificação nos 184 municípios do Estado.

"Essas linhas voltadas para a preparação para o mundo do trabalho [fazem diferença para a vida desses jovens] e podem ajudá-los nesse projeto de vida, a realizar os sonhos de vocês. A gente precisa sonhar e ter energia e determinação para se colocar no caminho de realizar nossos sonhos", parabenizou a governadora Izolda Cela (PDT) no evento.

As oportunidades lançadas nesta sexta-feira vão formar turmas do Programa Criando Oportunidades e Primeiro Passo, na linha Jovem Bolsista. Para se inscrever basta acessar o site do Governo do Ceará 

Para o Interior, as oportunidades são distribuídas conforme a demanda das empresas, ficando a cargo das secretarias municipais de proteção social os encaminhamentos junto aos programas. Em Fortaleza, as vagas são para as linhas do Jovem Estagiário e Jovem Aprendiz.

Programa Primeiro Passo

O programa Primeiro Passo é uma ferramenta de inclusão social e profissional que capacita jovens em busca do primeiro emprego. O programa, que atende pessoas entre 14 e 29 anos, se divide em três linhas de ação. São elas:  

  • Jovem aprendiz: os inscritos nesta linha devem estar cursando o Ensino Fundamental ou Médio. No programa, eles são capacitados em oficinas de formação para o mercado de trabalho e encaminhados para os processos seletivos das empresas privadas. Após a contratação, os jovens passam por formações teóricas de aprendizagem. 
  • Jovem bolsista: ação voltada para capacitação de jovens em situação de risco e/ou vulnerabilidade social, visando a inclusão no mercado de trabalho. A qualificação profissional tem duração de 240 horas. As capacitações são ofertadas em parceria com os municípios e associações de cada localidade.  
  • Jovem estagiário: a iniciativa direciona jovens estudantes do 1º ou 2º ano do Ensino Médio, para as instituições que ofertam oportunidades de estágio. O processo é feito através de oficinas, voltadas para o mercado de trabalho e encaminhamentos posteriores para empresas públicas e privadas. Os estudantes são remunerados pela empresa e acompanhados programa nas atividades práticas e escolares.   

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o Telegram do DN e acompanhe o que está acontecendo no Brasil e no mundo com apenas um clique: https://t.me/diario_do_nordeste

Assuntos Relacionados