Hotel e hospital

Pernambuco planeja ser o principal destino de Turismo de Saúde no Brasil

O primeiro conglomerado de empresas especializadas em Turismo de Saúde do Brasil, o Pernambuco Healthcare, começou a disponibilizar pacotes e serviços para atender a viajantes do mundo inteiro. Entenda!

O projeto prevê que Recife receba grande parte dos interessados no Turismo de Saúde no Brasil
17:16 · 06.10.2017
O projeto Pernambuco Healthcare se apoia no fato de a capital pernambucana abrigar o segundo maior polo médico de saúde do Brasil

A maioria das pessoas viajam por prazer, certo? Para descansar, se divertir, viver novas aventuras, descobrir outras culturas e passear com a família. Mas, nem sempre é assim. Tanto que um novo termo vem sendo usado no setor: o Turismo de Saúde. O apelo, apesar de paradoxal, vem ganhando apoio de empresas e instituições interessadas no potencial de viajantes que buscam tratamentos médicos especializados fora de seus locais de origem.

Os pernambucanos querem sair na frente nesse nicho. O Estado acaba de anunciar a formação de um grupo incluindo entidades, empresas privadas e governo, com o intuito de promover Pernambuco como destino de saúde. O apoio principal é da Empetur e da Alianza Healthcare.

Segundo o site do projeto (pernambucohealthcare.com.br) a ideia surgiu a partir do fato de a capital pernambucana abrigar o segundo maior polo médico de saúde do Brasil, atrás apenas de São Paulo. Também dispõe de vários hospitais de grande e médio portes, além de clínicas médicas e odontológicas, laboratórios e emergências em todas as especialidades.

Rotas internacionais

Embora pareça estranho classificar como turismo a busca por um destino com atendimento médico de excelência, Pernambuco estima que as as rotas aéreas diretas com a América Latina Europa e os Estados Unidos tendem a trazer muitos pacientes estrangeiros. Para tanto, muitos profissionais que atuam no cluster pernambucano possuem pós-graduação no exterior. Além disso, os hospitais de referência do Recife confirmam que possuem equipes especializadas para atender pacientes provenientes de outros países.

Números

Apesar da crise permanente que afeta o setor da saúde pública no Brasil, Recife possui o 2º maior polo médico do Brasil, com ampla rede de especialistas e  cerca de 10 mil leitos hospitalares.

Para formar a rede de Turismo de Saúde, empresas especializadas oferecem a prestação de vários serviços integrados, acolhendo o viajante, desde o planejamento da viagem até o retorno a seu país de origem. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.