Topo da lista

Fortaleza é apontada como o destino com hotéis mais baratos para o Carnaval 2018

O site Trivago listou dez destinos de Carnaval que estão com as diárias de hospedagem mais baratas para os dias da folia. A Capital cearense e a Praia do Cumbuco aparecem em destaque

14:13 · 11.01.2018

Da marchinha tradicional ao “Vai Malandra”, de Anitta, o Carnaval abre espaço para todas as tribos que não dispensam a folia no feriadão mais esperado do ano. Mas, claro, há sempre aqueles que deixam para se programar na última hora. Foi para esse público que o site Trivago elaborou - a partir de enorme quantidade de dados sobre hotéis - uma lista com os destinos de Carnaval que estão com as diárias de hospedagem mais baratas para os dias 9 a 14 de fevereiro.

Mas se engana quem pensa que os lugares apontados são aqueles fora das principais rotas da folia. Na verdade, a lista surpreende já que alguns desses destinos baratos estão entre os mais disputados pelos brasileiros no Carnaval. 

O Ceará  emplacou dois destinos. Fortaleza ocupa o primeiro lugar da lista e a Praia do Cumbuco, em Caucaia, está em quinto lugar. Confira a lista completa:

1. Fortaleza

fortal

Segundo o Trivago, entre as cidades carnavalescas, a Capital cearense é a que tem as diárias mais baratas para o feriadão. Isso dá aos viajantes a chance de aproveitar a animação gratuita dos blocos que fazem a festa em diversas partes da cidade. Destaque para a Praia de Iracema e a Avenida Domingos Olímpio onde se apresentam os maracatus. O site também ressalta que o custo x benefício também vale para quem não gosta de carnavale pode aproveitar os preços mais em conta para visitar as praias mais tranquilas nos arredores da cidade ou o Festival de Jazz & Blues que já é tradicional em Guaramiranga (cerca de 130 Km da Capital.

Preço médio da diária de hotel: R$ 260

2. São Paulo

sp

A maior cidade do País troca a agitação do trânsito pelos agitos de carnaval no feriadão. Além disso, os espaços urbanos ficam mais vazios e tranquilos para quem quer fazer turismo.Para os foliões, bom mesmo é aproveitar o Carnaval dos blocos de rua que renasceu nos últimos anos e oferece uma atmosfera totalmente diferente ao velho Centro e a bairros descolados como a Vila Madalena.

Preço médio da diária de hotel: R$ 279. 

3. Canela

Canela

A cidade é uma das mais conhecidas da Serra Gaúcha e ideal para quem busca tranquilidade e ar puro. É uma ótima opção para fugir do Carnaval. Com seu estilo europeu, consegue fazer qualquer pessoas esquecer que está no Reino de Momo. Além disso, os diversos parques temáticos da região agradam todo tipo de viajante. Canela também possui hotéis com vistas delumbrantes para os vales da Serra.

Preço médio da diária de hotel: R$ 283

4. Foz do Iguaçu

foz

Uma das maravilhas da natureza, as Cataratas são uma atração imperdível e o maior cartão-postal do Paraná. O destino é um dos mais procurados por turistas do mundo todo, mas no período do Carnaval a movimentação diminuí e os preços de hotéis ficam mais acessíveis. O melhor é que, nessa época do ano, as cataratas estão volumosas e em seu potencial máximo.

Preço médio da diária de hotel: R$ 297

5. Praia do Cumbuco

cumbuco

Muito procurada por atletas de surfe, wind e kite, a praia cearense, a apenas 30 km de Fortaleza, é um refúgio para quem quer escapar da folia. A tranquilidade é garantida por uma ótima variedade de resorts e hotéis.

Preço médio da diária de hotel: R$ 310

6. Ouro Preto

ou

Passar o Carnaval na cidade é uma maneira de juntar turismo histórico e festa, já que Ouro Preto tem um patrimônio cultural fantástico e um dos carnavais mais famosos do Brasil. Há blocos todos os dias. Tem o Bloco do Caixão (sábado), Bloco Cabrobró (domingo), Bloco da praia (segunda-feira) e Bloco Chapado (terça-feira). Segundo o Trivago, os preços dos hotéis não são tão altos porque muitos foliões se hospedam nas “repúblicas”.

Preço médio da diária de hotel: R$ 322

7. Caldas Novas

Caldas Novas

Cada vez mais conhecida pelos brasileiros, a cidade tem alguns dos mais famosos parques aquáticos de águas termais do Brasil, como o DiRoma. Nele é possível passar o dia relaxando nas piscinas quentinhas e curtir a festa à noite. O feriadão é puxado ao som de vários ritmos, mas o sertanejo, predomina. Para o Carnaval, estão programados muitos shows gratuitos, organizados pela prefeitura e pelos hotéis.

Preço médio da diária: R$ 322

8. Recife

rec

O Carnaval em Pernambuco dispensa apresentações. É a festa musicalmente mais diversa do Brasil, com samba, maracatu, frevo, coco, ritmos africanos e MPB. E o melhor, quem se hospeda em uma cidade ganha a chance de curtir dois carnavais: o de Recife e o de Olinda. O que não dá para perder mesmo é o desfile do maior bloco de carnaval do mundo, o Galo da Madrugada, no sábado, dia 

Preços médio da diária de hotel: R$ 329

9. Natal

Natal

As belezas naturais da cidade, faz de Natal um dos destinos mais procurados por brasileiros nas férias e também no Carnaval. Mas, apesar de ser tão desejada, a capital potiguar possui uma rede hoteleira enorme, o que permite ter preços mais baixos, inclusive em super hotéis. Quanto à festa, todos os shows e blocos são de graça, sem cordas ou abadás. Em 2018, o Carnaval de Natal terá novo formato: abertura oficial no dia 8 de fevereiro e programação espalhada em diversos polos da cidade. Por lá vai dá para curtir shows de Carlinhos Brown, Roberta Sá, Orquestra Contemporânea de Olinda, Sandra de Sá, Renata Arruda, Orquestra Popular da Bomba do Hemetério, Margareth Menezes e Monobloco.

Preço médio da diária: R$ 331

10. Costa do Sauípe

Costa do Sauípe

A praia, localizada no litoral norte da Bahia, é uma das mais famosas do Nordeste. Por isso mesmo, nem sempre os preços estão tão baixos por lá como neste ano. Para quem pretende viajar, o lugar é ideal para escapar da festa e curtir a tranquilidade de um litoral paradisíaco. Mas, claro, também tem shows e pequenos blocos de carnaval para quem quer uma pouco de animação na terra do axé.

Preço médio da diária: R$ 340

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.