Melhor emprego

Empresa contrata dupla para viajar e comer em 42 países

As vagas são ofertadas pela Dinneer, plataforma que faz reserva para jantares compartilhados. As inscrições podem ser feitas até o dia 1º de agosto. Confira vídeo:

14:59 · 17.07.2017 por Marlyana Lima - Editora
dinneer
A dupla selecionada fará uma viagem por 42 países para comer na casa de brasileiros que moram em países onde a empresa atua

O anúncio é tentador: "que tal ter o melhor emprego do mundo?". Pois é exatamente isso que a  Dinneer, uma espécie de "Airbnb de comida”, está ofertando. Quer contratar uma dupla para viajar por 42 países e jantar  na casa de brasileiros que moram nesses destinos. Depois é só avaliar  avaliar a experiência gastronômica. Que tal? Além das análises, os contratados farão parte de um documentário produzido pela empresa.

Na lista de pré-requisitos, é necessário ter habilidade com câmeras, disponibilidade para cumprir o roteiro e ser maior de 18 anos. Além disso, os candidatos devem ser pessoas sociáveis, com boa comunicação e escrita. Na plataforma, o cozinheiro e dono da casa, chamado de anfitrião, oferece seu cardápio e o valor por pessoa. As inscrições podem ser feitas através do site: http://dinneer.com/jobs/ . Não há taxas.

Além desses requisitos, o Dinneer está aceitando inscrições de duplas cuja segunda pessoa é estrangeira. Entretanto, a prioridade é dada a brasileiros que conheçam bem comida nacional e que definitivamente irão se identificar quando provarem um sabor típico brasileiro. O roteiro ainda não foi fechado, mas a previsão é que as viagens se iniciem no primeiro semestre de 2018.

Detalhe importante: não é preciso acumular inscrições. O processo de seleção não será por sorteio. A equipe da Dinneer avisa que identificará candidatos com muitas inscrições e poderá entender como uma tentativa de spam. Se você ainda está em dúvida se essa vaga combina com você, basta conferir o vídeo:

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.