Especial Publicitário

Do Cariri para a São Paulo Fashion Week

Com a parceria do Sebrae, Assintecal e Fiec, a estilista Isabela Capeto está usando calçados, peças em barro, acessórios e folheados da Região nas suas coleções Verão e Inverno, que serão lançadas no maior evento de moda do país

05:19 · 16.03.2017 por Sebrae

Oratórios, flores decorativas, quadros de santos, as famosas sandálias de sertanejo, bolsa de vaqueiro, xilogravuras, fósseis, peixes, plantas, insetos e as flores características da região do Cariri, como as do pequi e do mandacaru. Todos esses elementos serviram de inspiração para a coleção de inverno da estilista Isabela Capeto, apresentada ontem em desfile realizado na 43a edição da São Paulo Fashion Week. Em julho, será a vez da estilista apresentar a sua coleção verão em outro desfile, também trazendo elementos da região cearense.

Ambas as coleções, Inverno e Verão, foram inspiradas no homem, na natureza, na fauna, na flora e na religiosidade do Cariri cearense. As criações prometem, com o uso de cordas, couro e materiais diversos e múltiplos, trazer para o universo da moda a riqueza desta que é uma das regiões culturalmente mais ricas do país.

O trabalho de resgate e adaptação, feito pela estilista Isabela Capeto e pelo designer MarneiCarminatti, com o apoio do Sebrae/CE e a participação de empresas assessoradas pela instituição, utilizou a pesquisa iconográfica realizada a partir de uma imersão no universo do sertão do Cariri como suporte para desenvolver produtos com características locais.

Com talento, ousadia e arte, eles somaram tudo isso ao olhar contemporâneo e, em parceria com fornecedores de matéria-prima, artesãos, fábricas de acessórios e calcados do próprio Cariri, promoveram a integração entre diferentes, porém complementares, setores de desenvolvimento criativo da região.

Assim, imagens sobre o homem, a natureza, a cultura e a terra constituíram um material riquíssimo, que serviu como base para o desenvolvimento de cores, formas e texturas. Tudo resultando na elaboração de produtos com referências da identidade local e preservando manifestações advindas das etnias indígenas, ibéricas e africanas. Etnias estas presentes, ainda, nos traços fisionômicos de seus descendentes.

Eles investigaram, também, a importância do território para a formação da cultura e descobriram o local em que a memória da terra se encontra preservada: o Geopark Araripe ― primeiro geoparque do continente americano, que se expande por seis municípios cearenses: Missão Velha, Barbalha, Crato, Juazeiro do Norte, Nova Olinda e Santana do Cariri.

Esses sítios arqueológicos são considerados um laboratório a céu aberto, pois preservam fósseis de insetos, plantas, répteis voadores, peixes, tartarugas e lagartos de mais de 120 milhões de anos. Relíquias da Pré-História, no período Cretáceo Inferior, os fósseis, notadamente conservados, são referências geológicas e paleontológicas para pesquisadores de todo o mundo, pois a bacia sedimentar do Araripe é o maior depósito fossilífero do mundo. Os segredos da vida na Terra estão nas entranhas da Chapada do Araripe.

Além destas características, que tornam essa região única, eles buscaram, ainda, esquadrinhar a exuberância da cultura popular, da natureza e da religião, conferindo a arquitetura das igrejas barrocas ― cujo valor histórico é indiscutível ― e dos casarios com fachadas geométricas e cores singelas.

A Pirâmide de Desenvolvimento de Produto acabou sendo um método estratégico, que buscou identificar e planejar o mix de produtos, determinar oportunidades e desafios para construção e decodificacão de informações de moda. Que vão, agora, atravessar a passarela e ganhar os holofotes no maior evento de moda e tendências do país.

Isabela Capeto - São Paulo Fashion Week

Março de 2017 (inverno)
Empresas:
Estylosa, K&K, Sagian, 4R Folheados, Bordadeiras (ARTEMB)
Julho de 2017 (verão) Empresas:
Sandálias Beira Mar, Sandálias Malibu, Sandálias Poderosa Style e Mulheres da Palha

A São Paulo Fashion Week

spfw foto 2 Sebrae

A São Paulo Fashion Week é a principal semana de moda do Brasil e a 5ª mais importante do mundo, ficando atrás apenas de Paris, NY, Londres e Milão. Foi a partir de 2001 que o então Morumbi Fashion Brasil assumiu o nome atual, marcando de fato o nascimento da semana de moda como a conhecemos hoje.

Graças a esse evento, formatado como um período dedicado à moda e tendências que o Brasil passou a ter um calendário de moda oficial e a fazer parte de um mercado internacional, ampliando as fronteiras do país neste campo. Além disso, a SPFW foi determinante para o desenvolvimento econômico e industrial do setor, outrora tão precário, e para a profissionalização de estilistas, produtores e toda a cadeia produtiva do mercado de moda. Fato é que, hoje, o Brasil tem a principal semana de moda da América Latina e uma das principais do mundo.

Empresas Participantes

Estylosa - Fábrica de calçados femininos injetados e montados.
Inspiração: “oratórios” flores decorativas e quadros de santos, tradicionais nas casas do Cariri. “Área de extração de calcário” e “mercado popular”” objetos recondicionados, a criatividade para unir partes distintas e diferentes sobre um mesmo produto.

4R Folheados – Fábrica de jóias folheadas. Inspiração: “Flor do Pequi”, “Ex-votos”, “Formas do cotidiano”, reprodução das formas em brincos, pulseiras, colares, broches e gargantilhas.

Sagian – Inspiração: “Sandálias de Sertanejo” - criação de modelos com referência do desenho e características das antigas e ainda comercializadas sandálias de sertanejo, estilo rasteiras, reinventando sua imagem e mensagem, quando associada a um sapato de luxo.

K&K – Fábrica de bolsas, calçados e acessórios em couro, feminino e masculino.
Inspiração: “bolsa de vaqueiro e maleta de ferramentas” típicas da região, esses acessórios são revisitados para criação de produtos contemporâneos.

TerraMaris – Sandálias Beira Mar - Fábrica de calçados feminino, masculino e infantil injetados.
Inspiração: “xilogravuras” desenhos para estampa, produzidos com técnicas artesanais de xilogravura. “Pedras do Santo Sepulcro” desenho de peça de sandália, baseado nas pedras empilhadas pelos devotos.“Amarrações e detalhes da área de extração de calcário” e “Capela do Caldeirão da Santa Cruz do Deserto”, estampas.

Sandálias Malibu – Fábrica de sandálias injetadas (feminino, masculino e infantil).
Inspiração: “tramas de palha e pespontos de couro” reprodução de técnica artesanal para o processo industrial - “Elementos gráficos Mestre Noza” estamparia para palmilha.

L & L Calçados - Sandálias Poderosa
Style - sandálias injetadas (feminino, masculino e infantil).


MAIS INFORMAÇÕES:
SEBRAE/CE - Regional Cariri

(88) 3512-3322
Tânia Porto
Helena Oliveira

 

CONTEÚDO DE RESPONSABILIDADE DO ANUNCIANTE
Sebrae Logo

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.