Novo passeio

AquaRio abre tour aos bastidores

O visitante poderá acompanhar de perto os equipamentos e o trabalho da equipe de biólogos no Maior Aquário Marinho da América do Sul

O AquaRio está abrindo seus bastidores para visitas guiadas
14:40 · 19.06.2017 por Marlyana Lima - Editora
Com 3,5 milhões de litros de água, um túnel de acrílico permite que visitantes vejam raias, peixes e até tubarões

Por trás do AquaRio, há um Sistema de Suporte de Vida e uma equipe dedicada em tornar a experiência do visitante inesquecível. A partir de agora, sempre às quartas e sábados, será possível conhecer o backstage do “Maior Aquário Marinho da América do Sul”

O AquaRio abre seus bastidores para uma visita guiada em que será possível ver os equipamentos que tratam a água dos recintos e o trabalho de biólogos e todas as curiosidades que existem por trás de seu cotidiano.

"O encantamento dos visitantes pela vida marinha a partir de agora será ainda mais associado à nossa equipe, que trabalha com tanto amor à profissão. O tour aos bastidores é mais uma forma de o AquaRio exercer seu papel na educação e mostrar a importância da conservação das espécies. Esperamos formar gerações de biólogos e veterinários apaixonados pelo que fazem", destaca Marcelo Szpilman, biólogo marinho e diretor-presidente do AquaRio.

 A nova atividade adicional “Visita aos bastidores” acontece às quartas e sábados, sempre das 15h às 16h, e atende a grupos de até 15 pessoas. Para conhecer somente os bastidores, o valor do ingresso é de R$ 70 e não inclui acesso ao circuito. 

Mundo sob as águas

Nos 26 mil metros quadrados de área construída e cinco andares do AquaRio, o visitante é apresentado a um circuito com 28 tanques, onde pode conhecer um pouco mais sobre os peixes da costa brasileira, do Caribe e do Indo-Pacífico. Ao todo, são 4,5 milhões de litros de água salgada e cerca de três mil animais de 300 espécies diferentes. Logo no início do passeio, o visitante tem contato com moreias, peixes-leão, peixes-pedra e raias elétricas que recepcionam o público no tanque destinado aos seres marinhos considerados perigosos.

Seguindo o circuito, chega-se ao grande tanque oceânico, uma das principais atrações do espaço, com 3,5 milhões de litros de água e sete metros de profundidade e um túnel de acrílico que passa por dentro, onde moram raias, peixes e até tubarões, como a “Margarida”, da espécie Mangona (Carcharias taurus) e a “Sharon”, da espécie Lambaru (Ginglymostoma cirratum), que impressionam pelo seu porte.

Conservação e pesquisa

O Aquário Marinho do Rio de Janeiro, ou AquaRio, é um equipamento moderno e multifuncional de educação, pesquisa, conservação, lazer, entretenimento e cultura que cria a oportunidade da cidade do Rio de Janeiro oferecer a visitação de um espaço único com atrações e tecnologias inovadoras ainda não vistas no Brasil. Uma parceria com o Departamento de Biologia Marinha da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) tornou possível a criação do Centro de Pesquisas Científicas, que objetiva o desenvolvimento de estudos e o gerenciamento educacional de alunos e estagiários no aquário, criando novas oportunidades de pesquisa da vida marinha.

Curiosidades 

  • O AquaRio coleta água natural em alto mar e a transporta em grandes balsas até a atração. A água é transferida das balsas até os tanques através de uma tubulação subterrânea que liga o cais das docas até ao subsolo do AquaRio;
  • O ozônio usado para esterilizar as águas dos tanques do AquaRio é 1.200 vezes mais potente que o cloro;
  • Com o volume presente nos aquários, é possível encher 13 milhões de latas de refrigerantes;
  • Atualmente, cerca de 650 quilos de pescado são consumidos mensalmente pelos animais do AquaRio.

Serviço:

Aquário Marinho do Rio (AquaRio)

Endereço: Praça Muhammad Ali, Gamboa (em frente aos Armazéns 7 e 8)

Visita aos bastidores: R$ 70

Visita aos bastidores + Circuito AquaRio: R$ 130

Mais informações: www.aquario.rio

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.