Pesquisa aponta

60% dos brasileiros querem vivenciar novas culturas durante a viagem

Segundo levantamento realizado Booking.com, 46% dos viajantes nacionais afirmam não ter medo de ir além de seus limites quando se trata de viagens

17:45 · 07.05.2018
aventura
Viagens de voluntariado aparecem na pesquisa como uma das mais interessantes

O que você faria se pudesse escolher um destino para viajar? De atividades radicais a experiências culturais incomuns, a maioria dos brasileiros, cerca de 77%, se arrepende pelas oportunidades perdidas. É o que mostra pesquisa realizada pelo site Booking.com. O estudo também revela que quase metade (46%) dos brasileiros deseja ser um viajante sem limites e pelo menos 60% querem vivenciar novas culturas. Além disso, um dos fatores que mais limita os viajantes é a barreira do idioma.

O estudo também apurou que um em cada cinco viajantes brasileiros (12%) nunca se sentiu "sem limites" nas férias. Mais da metade (51%) entre as pessoas ouvidas revelou que não viaja com frequência. Entretanto, quase metade (47%) quer conhecer novas pessoas enquanto viaja e um percentual semelhante (43%) deseja apreciar a gastronomia local. 

Outro dado interessante revela que sete em cada 10 (72%) viajantes nacionais acreditam que o melhor nas viagens é sair da zona de conforto. As principais viagens que os brasileiros ainda não fizeram por ter receio, mas adorariam fazer um dia incluem:

  • Viagem de trem de longa distância (52%)
  • Viagem de voluntariado (50%)
  • Aventura gourmet (47%)
  • Viagem para descobrir mais sobre seus ancestrais (44%)
  • Viagem para mergulhar (43%)

Entre as principais viagens já realizadas e que os brasileiros fariam novamente estão:

  • Viagem de carro (76%)
  • Viagem de última hora (49%)
  • Viagem solo (47%)

Vice-Presidente Sênior e Diretor de Marketing na Booking.com, Pepijn Rijvers observa que, cada vez mais, as viagens cumprem a função de satisfazer sonhos. "Como inovadores no mercado, estamos buscando formas de usar as tecnologias mais recentes para facilitar o processo das viagens e empoderar as pessoas a vivenciar o mundo, não importa para onde elas vão e o que querem fazer", completa.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.