TELEVISORES INTELIGENTES

TV controlada por voz e gestos chega ao mercado

01:13 · 25.06.2012
Apresentados em feira em Las Vegas no início do ano, os televisores da Samsung com interface revolucionária chegam agora ao Brasil, fabricados em sua unidade no Amazonas

Manaus O controle remoto não é mais o único acessório que garante a comodidade do usuário que está no sofá, à frente de seu aparelho de TV. Agora, sua voz e suas mãos (também remotamente) podem comandar funções como mudar de canal, aumentar ou baixar o volume de áudio e, melhor ainda, acessar serviços online. A novidade já está chegando às lojas, presente na nova linha de televisores inteligentes (smart TVs) com tela LED que a Samsung traz ao mercado brasileiro, com fabricação nacional em sua planta no Polo Industrial de Manaus.

No mercado internacional, esses aparelhos foram apresentados pela primeira vez em janeiro, na feira CES 2012, em Las Vegas (EUA). Em visita à unidade de fabricação na capital amazonense - a segunda maior da fabricante coreana em todo o mundo -, o Diário do Nordeste teve a oportunidade de experimentar a nova interface presente nos modelos ES7000 e ES8000, de 46 e 55 polegadas. À frente da TV, basta saudar o aparelho com um "Olá, TV!" para ter na tela opções que podem ser acionadas com o movimento da mão. Os televisores contam com uma câmera integrada ao topo de sua tela que identifica os movimentos do usuário. Na tela da TV, o movimento da mão aberta equivale à trajetória do cursor, na forma de um ponteiro de mouse. Para "clicar" e assim selecionar alguma opção, basta que o usuário feche a mão.

Na tela da TV, o movimento da mão aberta equivale à trajetória do cursor, na forma de um ponteiro de mouse, e substitui o uso do controle remoto


Com resolução de 720p, a câmera integrada ao aparelho também serve para fazer vídeos, tirar fotos - que tal registrar o momento em que toda a família está reunida ao sofá? - e ainda conversar em chamadas de vídeo por aplicativos como o Skype. O recurso também serve para fazer o login do sistema através de reconhecimento facial.

Um outro benefício do aparelho é que, ao contrário dos modelos anteriores, agora é possível acessar a internet de forma ilimitada, através do recurso "full browser". Assim, o usuário pode navegar por qualquer website, sem estar limitado apenas aos serviços pré-instalados no sistema do televisor inteligente. O desempenho do aparelho nessas aplicações também foi incrementado. Ele agora traz um processador de dois núcleos (dual core), ficando um dedicado às aplicações de internet e outro à imagem. Segundo a empresa, no próximo ano chegam ao mercado os televisores da marca equipados com processadores de quatro núcleos, ganhando mais ainda em desempenho.

Com os avanços tecnológicos que tornam os televisores mais parecidos com computadores dedicados ao entretenimento, também é natural que, assim como acontece com os PCs a evolução seja constante tanto em hardware quanto em software. Para quem pretende gastar algo em torno de R$ 7 mil na compra uma smart TV da Samsung mas já está preocupado com a obsolescência do equipamento daqui a alguns anos, a empresa criou o kit "Evolution". Trata-se de um programa de atualização para que os aparelhos possam ser atualizados com as novidades incorporadas às novas versões do sistema. Essa solução garantirá o upgrade até 2016.

LED para todos

Os modelos de TV LED Full HD das séries ES7000 e ES8000 estão disponíveis em apenas dois tamanhos, 46 e 55 polegadas, mas, segundo a fabricante, em breve virão modelos de 60 polegadas. Os preços variam de R$ 7 mil a R$ 8.699 - um valor ainda alto para a maioria dos brasileiros poder falar e gesticular para seus aparelhos na sala de estar.

Entretanto, sem deixar os usuários de menor poder aquisitivo de lado, a Samsung também investe no segmento "full LED". São TVs de 32 a 55 polegadas com tela LED, mas sem a pouca espessura que caracteriza esse tipo de tecnologia. Fisicamente mais parecidos com as TVs LCD, os aparelhos full LED apresentam, no entanto, a mesma qualidade de imagem das telas ultrafinas de modelos mais caros. Os preços dos televisores full LED ficam na casa dos R$ 1 mil e R$ 2 mil. Por esse valor, obviamente, o usuário não pode esperar que seu televisor responda a seus chamados de voz e gestos.

NÚMEROS

5,2 milhões de televisores devem ser fabricados pela Samsung no Brasil em 2012. A empresa é líder em vendas de aparelhos LCD e LED de 38, 43 e 48 polegadas

8,6 mil reais é o preço do aparelho de TV LED da Samsung (modelo ES 8000), de 55 polegadas, que conta com o recurso de identificação de comandos de voz e gestos

*O jornalista viajou a Manaus a convite da Samsung

EBENEZER FONTENELE*
EDITOR

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.