Com duração de até 1h

Instagram lança app para vídeos com maior duração e abre concorrência com Youtube

O novo app permite vídeos com imagens em resolução 4K e que tenham duração de até uma hora

Com o IGTV, o Instagram mira no público do Youtube e em expectadores da TV tradicional ( Foto: Divulgação )
18:48 · 20.06.2018 / atualizado às 18:54
A visualização continuará sendo com o smartphone na vertical ( Foto: Divulgação )
O formato de visualização dos vídeos será parecido com o dos stories ( Foto: Divulgação )

A rede social Instagram lançou, nesta quarta-feira (20), um novo aplicativo, o IGTV, que permite a inserção de vídeos de até uma hora. Atualmente, a rede social permite que o usuários criem vídeos com até um minuto de duração. Com informações do G1.

O Instagram mira no público do Youtube e em expectadores da TV tradicional. Segundo o presidente-executivo e um dos fundadores da rede social, Kevin Systrom, hoje as pessoas precisam virar o celular para assistir a um vídeo que está no formato de TV e isso tem que mudar. "É época do vídeo avançar e evoluir", ressaltou. Atualmente, o Instagram tem 1 bilhão de usuários.

Com a mudança, o aplicativo que incentivar que mais criadores de conteúdo adotem a plataforma como escoadouro para suas produções. A rede social adere a um movimento mais robusto para fazer frente ao Youtube. O Instagram pertence ao Facebook enquanto a plataforma de compartilhamento de vídeos ao Google.

 

From our CEO @kevin: “Today, we have two big announcements to share. First, Instagram is now a global community of one billion! Since our launch in 2010, we’ve watched with amazement as the community has flourished and grown. This is a major accomplishment — so from all of us at Instagram, thank you! Second, we’re announcing our most exciting feature to date: IGTV, a new app for watching long-form, vertical video from your favorite Instagram creators, like LaurDIY (@laurdiy) posting her newest project or King Bach (@kingbach) sharing his latest comedy skit. While there’s a stand-alone IGTV app, you’ll also be able to watch from within the Instagram app so the entire community of one billion can use it from the very start. IGTV is different in a few ways. First, it’s built for how you actually use your phone, so videos are full screen and vertical. Also, unlike on Instagram, videos aren’t limited to one minute. Instead, each video can be up to an hour long. We made it simple, too. Just like turning on the TV, IGTV starts playing as soon as you open the app. You don’t have to search to start watching content from people you already follow on Instagram and others you might like based on your interests. You can swipe up to discover more — switch between “For You,” “Following,” “Popular” and “Continue Watching.” You can also like, comment and send videos to friends in Direct. Also like TV, IGTV has channels. But, in IGTV, the creators are the channels. When you follow a creator on Instagram, their IGTV channel will show up for you to watch. Anyone can be a creator — you can upload your own IGTV videos in the app or on the web to start your own channel. Instagram has always been a place to connect with the people who inspire, educate and entertain you every day. With your help, IGTV begins a new chapter of video on Instagram. We hope it brings you closer to the people and things you love. IGTV will be rolling out globally over the next few weeks on iOS and Android.

Uma publicação compartilhada por Instagram (@instagram) em

O Aplicativo

Com o IGTV, os criadores de vídeos poderão optar por resolução de imagem de até 4K. Além disso, o padrão de visualizar os vídeos na vertical permanece, se acomodando melhor à foirma como os usuários seguram seus smartphones.

O presidente-executivo ressaltou que o IGTV não será como outras plataformas de streaming de vídeo, como Netflix e HBO. Ele garantiu que será "conteúdo de usuário e não pago".

Monetização

Segundo Mike Krieger, um dos co-fundadores do Instagram,  será conversado com quem quer fazer renda com os vídeos sobre como será a monetização. Além disso, ele afirmou que, no início, a plataforma não terá anúncio, mas não descartou a ideia para o futuro.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.