Entrevista

'IGTV chega em resposta a um novo comportamento de consumo e produção de vídeo', afirma Instagram

Diretora do Instagram evita dizer que o IGTV é concorrente do YouTube

07:47 · 26.06.2018 / atualizado às 07:48
IG TV
IGTV chega para atender a uma demanda crescente de produção de vídeo na vertical

Conversamos com Melissa Amorim, Head de Comunicação LATAM do Instagram, sobre o IGTV e o impacto dele no aplicativo. De cara, a diretora fugiu de uma concorrência com o YouTube, uma comparação que todos tiveram. Deixou claro que o objetivo do IGTV "chega em resposta a um novo comportamento de consumo e produção de vídeo que acontece hoje pelo celular, cuja tela é vertical", ao contrário do que acontece com o YouTube.

Para Amorim, o IGTV é um passo na evolução dos vídeos na plataforma. "Trata-se tanto de um aplicativo, quanto um espaço dentro do Instagram para que as pessoas possam se conectar com suas contas favoritas. O IGTV é como acreditamos que o vídeo deve ser em um mundo onde o celular vem em primeiro lugar", afirma.

Sobre monetização, Amorim não avança. Diz que os anúncios não farão parte da IGTV por enquanto, mas que o Instagram irá testar maneiras de ajudar os criadores de conteúdo gerarem receita após o lançamento. Não há um prazo para isso.

Confira abaixo a entrevista completa da diretora:

Diário do Nordeste - O IGTV chega para fixar ainda mais os usuários dentro da plataforma?

Melissa Amorim - Não. O IGTV do Instagram chega em resposta a um novo comportamento de consumo e produção de vídeo que acontece hoje pelo celular, cuja tela é vertical. A maneira como assistimos e o que assistimos está mudando, mas, até hoje, a experiência de consumo de vídeos no celular não conseguiu acompanhar. O IGTV ajuda a responder muitas das questões que melhoram a experiência das pessoas e criadores dentro dessa nova realidade:

É um aplicativo pensado e criado para o telefone - traz vídeos em tela cheia e verticais. 

É simples e fácil de usar - ele começa a rodar os vídeos assim que você abre o aplicativo, para que você possa começar a assistir imediatamente e você não precisa fazer buscas para encontrar o que gosta. Isso porque mostramos conteúdo das pessoas que você já segue no Instagram

O IGTV do Instagram é um novo  passo na evolução dos vídeos na plataforma. Trata-se tanto de um aplicativo, quanto um espaço dentro do Instagram para que as pessoas possam se conectar com suas contas favoritas. O IGTV é como acreditamos que o vídeo deve ser em um mundo onde o celular vem em primeiro lugar.

Diário -  De cara já conseguimos visualizá-lo como concorrente para o YouTube, pois, hoje, já muita gente que produz conteúdo para o YouTube que utiliza os Stories como uma espécie de segundo canal, mas, como o IGTV, poderá, até, ficar fixo apenas na plataforma Instagram. Foi este um dos objetivos quando da criação do produto?

MA - Não. O IGTV do Instagram chega em resposta a um novo comportamento de consumo de conteúdo em que acontece hoje pelo celular e é diferente de qualquer experiência de vídeo que existe no celular hoje. Ele é feito para o seu telefone, pensado e projetado para o celular. Todos os vídeos são em tela cheia e verticais, para que as pessoas não tenham que girar o telefone mais. Também é simples de navegar e fácil de usar. É só abrir e começar a assistir. Além disso, é um conteúdo curado pela própria pessoa, com criadores que a pessoa já conhece, ama e segue no Instagram. 

Diário - Como será a questão de monetização dos canais? Haverá espaço para venda de publicidade ou inserção de publicidade dentro do IGTV? Como e quando irá funcionar?

MA - Os anúncios não farão parte da IGTV no lançamento, mas exploraremos e testaremos maneiras de ajudar os criadores de conteúdo gerarem receita após o lançamento.

Diário - Ainda sobre publicidade, o Instagram irá monitorar se os usuários irão fazer publicidade durante os vídeos? Haverá punição ou restrição a isso? Como irá funcionar a mecânica?

MA - Os criadores são tanto artistas, quanto uma fonte de inspiração e identidade para os jovens. Estamos animados para que mais deles se destaquem no IGTV e criem suas carreiras digitais. Em relação a conteúdo patrocinado recomendamos que as regulações publicitárias locais devem ser seguidas.

Diário - Quantos usuários do Instagram já estão usando o IGTV? Como pensam em atrair mais gente?

MA - Anunciamos nesta semana que agora somos uma comunidade global de um bilhão de usuários no Instagram. Não temos dados específicos do IGTV para compartilhar neste momento.

Diário - A mecânica que vocês imaginam é de vídeos sem edição ou com edição? Já vi os dois formatos. Acreditam que os vídeos editados tiram a essência do que é o Instagram?

MA - Todo tipo de conteúdo é bem-vindo no IGTV. Não há restrição sobre vídeos editados ou não, os criadores vão identificar o que os deixa mais confortáveis e o que a audiência deles está pedindo em termos de conteúdo.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.