coluna

Na rede: Positivo e Huawei

00:00 · 30.07.2018

A Positivo, a quinta empresa em venda de smartphones no Brasil, segundo o relatório do primeiro trimestre de 2018 da Counterpoint - empresa asiática que analisa mercados e traça perfis de comportamento e consumo - está trazendo para o Brasil, ainda no terceiro trimestre deste ano, ou seja, até setembro, os smartphones da chinesa Huawei, uma das quatro maiores em venda de celulares no planeta. Entramos em contato com a assessoria da Positivo. Quem nos respondeu, por e-mail, foi o vice-presidente de Mobilidade e Negócios Internacionais Positivo Tecnologia, Norberto Maraschin Filho. Segundo ele, a Positivo não vai se adiantar muito sobre o assunto. Porém, anunciou que haverá um lançamento oficial e que, sim, serão parceiros da Huawei. O aparelho que irá estrear esta união será o P20 que chega em setembro. Ele também elogiou bastante a chinesa. "O que podemos dizer agora é que a reconhecidíssima em P&D e marca global Huawei vai juntar-se com a expertise da Positivo Tecnologia no ecossistema brasileiro para criar efetivamente uma parceria ganha-ganha e, assim, trazer benefícios consistentes aos consumidores locais. Vêm novidades por aí, em breve", encerrou.

Boa nova

celular

A chegada de outra empresa, mais uma marca ao mercado de smartphones brasileiros é sempre bem vinda. O meu medo é apenas a questão preço e assistência técnica. Esta combinação não pode falhar. O P20 pode ser encontrado no Mercado Livre a partir de R$ 1.280 e pode ser importado em sites chineses. Vamos aguardar para testá-lo por aqui.

Bom

Trazer mais

Além da Huawei, outra chinesa já se movimenta para se aproximar do Brasil: a Oppo pensa em loja no Paraguai para ficar mais perto dos brasileiros. Será que veremos Vivo e o retorno da Xiaomi?

Ruim

Por falar na Xiaomi

A Xiaomi chegou aqui depois de longa espera e foi embora bem rápido. Os impostos não teriam agradado aos chineses. Uma pena, pois os aparelhos tinham qualidade e trariam boa disputa.

Banda larga

O acesso à Internet nos domicílios voltou a crescer no Brasil, totalizando 42,1 milhões de lares conectados em 2017, o número representa 61% das residências de todo o País. Os dados são da pesquisa TIC Domicílios 2017 que aponta algumas desigualdades entre áreas urbanas e rurais e por classes socioeconômicas no acesso à Internet.

Desigual

Nas áreas urbanas, 65% dos domicílios, um total de 38,8 milhões de lares, possuem conexão de Internet, enquanto que nas áreas rurais, a quantidade é de apenas 34% das residências. Na comparação entre as classes, a proporção ainda é mais significativa entre as classes A e B, com 99% e 93% das residências, respectivamente.

LG na Eletrolar

celular

A LG apresentou na Eletrolar Show 2018 seus smartphones da Série K. A marca trouxe 3 aparelhos para a feira, o lançamento K11+ (R$ 1.199), o K11 Alpha (R$ 999) e o K9 (R$ 799), com TV digital, já apresentados ao mercado brasileiro. Também mostrou a nova série Q: Q7+ por R$ 1.999 e o Q Note+ por R$ 2.399. Gostaram?

Mob inicia expansão para fora do CE

A operadora de telefonia e internet Mob Telecom começa a colocar em prática seu projeto de expansão para as regiões Centro-Oeste e Sudeste do País. Com a inauguração de escritórios em São Paulo e Brasília, na primeira semana de agosto, a Mob passa a atender o mercado corporativo com serviços de data center, hosting, telecomunicações e link de internet. Próximo passo será chegar a outros municípios, como Campinas, Sorocaba, Santos (todos em SP) e no Rio de Janeiro. A tele está localizada estrategicamente no ponto de entrada dos cabos submarinos no País, Fortaleza/CE, e tem uma rede de fibra ótica de mais de 25 mil km.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.