coluna

Na Rede: Cresce acesso via celular

00:00 · 13.11.2017

Um levantamento da agência de mídia Zenith constatou que, atualmente, 70% do tempo gasto na internet vem de acesso de telefone móvel. O crescimento é significativo quando se compara com os 20% verificados em 2010. A evolução é constatada, inclusive, no aumento de sites responsivos, que se adaptam às plataformas móveis, além de uma maior quantidade de apps. A agência também divulgou uma previsão: espera-se que, em 2019, o tempo gasto na web por meio de telefones móveis seja de 80%. Isso é fácil de verificar no nosso dia a dia. É muito mais prático e comum encontrar pessoas usando o smartphone para várias tarefas que antes eram usadas com preferência em desktops e notebooks. O uso destes dois tipos de computadores ainda é grande. Porém, é mais comum para atividades de programação, trabalhos escolares, tarefas executadas em escritórios, por exemplo. Já há inclusive quem prefira muitas tarefas como uso de planilhas e até digitar textos em tablets com, ou mesmo sem, o auxílio de teclados anexados via bluetooth ou mesmo de forma física. Outros mais radicais já fazem tudo no smartphone. E você? 

Amazon.com.br

Amazon

O site brasileiro da Amazon já está vendendo eletrônicos através de parceiros dentro de um marketplace. Não era exatamente o que os fãs esperavam. Porém, é bom lembrar que no Brasil seria pouco provável que a loja tivesse baixos preços como nos EUA. As empresas têm uma penca de impostos para nos repassar, lembrem-se!

Bom

Face ID

O Face ID foi exposto a muitos testes nos últimos dias por seus usuários e se mostrou uma tecnologia bem segura e feita da forma certa, como há tempos a Apple não fazia. 

Ruim

Resistência

Com carcaça predominantemente de vidro, o que traz a beleza do iPhone X, esta fica ainda mais frágil que o normal. Compre case, película de vidro ou sofra arrependido.

Golpe

Hackers estão atacando pessoas que recebem menos de 2 salários mínimos ou que estão desempregadas há mais de um ano. Essa é a população que tem direito a participar do programa CNH Social, instituído pelos governos estaduais, e que está sendo alvo do mais recente ataque detectado pelo DFNDR Lab, laboratório de segurança digital.

Golpe 2

Segundo os investigadores do laboratório, mais de 270 mil brasileiros nessa condição, que usam o sistema DFNDR, receberam o golpe em uma semana via WhatsApp e, com base no total de usuários de smartphones do País, o laboratório projeta que outros 3 milhões tenham sido afetados. Não acreditem em tudo por aí, ok?

Instragram

Instagram

O Instagram Stories quase que dobrou a quantidade de usuários do Snapchat, app pioneiro no serviço de divulgação temporária de vídeos e fotos. O Instragram Stories possui 300 milhões de usuários ativos diariamente, enquanto o Snapchat possui 173 milhões. E pensar que Mark Zuckerberg tentou comprar o Snapchat antes...

Instagram valorizado

Comprado pelo Facebook em 2012 por US$ 1 bilhão, o Instagram tem lançado novas estratégias para estimular os usuários. É o caso de efeitos de zoom aos vídeos e prévias grandes dos Stories na timeline das fotos publicadas no próprio Instagram. Em breve, o aplicativo deve lançar um recurso de stop motion. Outro app que também já ultrapassou o Snapchat foi o WhatsApp Status, com 300 milhões de usuários ativos. No primeiro semestre de 2017, o Snapchat teve um prejuízo de US$ 2,6 bilhões. 

Parece que os criadores do Snapchat realmente deveriam ter aceito a proposta de Mark Zuckerberg. Agora a coisa complicou para a rede social que, praticamente, morreu. Ninguém escuta mais falar e muitos de seus destaques já migraram para outras redes.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.