Coluna

Luxo por Márcia Travessoni: Seleções

00:00 · 21.10.2017

Berloques, perfumes e makeup

Após fabricar a coroa oficial de 300 anos de Nossa Senhora Aparecida, a H.Stern dispõe agora da miniatura do adorno, em forma de berloque. A delicada releitura é feita de ouro 18k, possui base esmaltada azul-marinho e um diamante. A marca também desenvolveu uma miniversão da imagem de Nossa Senhora, em traços simples e detalhes sutis. As novidades estão à venda nas lojas H.Stern de todo o País.

Elegância, autenticidade e luxo são os elementos presentes na Herrera Confidential, nova coleção de perfumes da Carolina Herrera, que possui seis fragrâncias requintadas. O perfume Burning Rose, da coleção, simboliza a paixão e a vitalidade, com notas de canela real do Laos e gengibre queimado. Já o boêmio Neroli Bohème é composto por frutas cítricas italianas e toques de jasmim-da-noite indiano.

A Kat Von D Beauty está de volta ao Brasil com coleção completa. Além da qualidade em cobertura, pigmentação e durabilidade, a marca dispõe de vasto leque de opções de cosméticos veganos e cruelty-free. São mais de 200 itens, como o delineador Tattoo Liner, o batom Everlasting (27 cores disponíveis), a base e o corretivo Lock-It (respectivamente com 30 e 21 tons) e a paleta de contorno Shade+Light. As novidades estão sendo comercializadas exclusivamente nas lojas e no e-commerce da Sephora.

Destaques

Cozinha pink

d
Tonalidades de rosa, dentre outras cores pastéis, estão em alta no mundo da moda e, como não poderia ser diferente, aparecem agora em outros segmentos. Um exemplo disso é a Le Creseut, que acabou de trazer para o Brasil mais duas panelas na cor Chiffon Pink, inicialmente desenvolvidas para o mercado asiático. A marca também conta com chaleira e moedores de mesma coloração.

d
Depois da Porsche, é a vez da Fendi assinar um projeto condomínio de luxo. O Fendi Château Residences, em Miami, tem unidades de até 6 mil m² e os preços podem chegar a mais de US$20 milhões.

Nova era

Cruelty-Free

Image-0-Artigo-2311915-1

Na última semana, a Gucci anunciou que está banindo o uso de pele animal em suas produções, assim como Calvin Klein, Ralph Lauren, Tommy Hilfiger e Armani. A grife agora é aliada da Fur Free Aliance, uma organização que busca acabar com o uso de material animal. As famosas loafers Gucci (foto ao lado) não vão deixar de existir, mas serão adaptadas a novos materiais (faux-fur, lã e novos tecidos). A decisão foi tomada após diversos protestos em semanas internacionais de moda contra o uso de pele animal, e já passou a valer na coleção desfilada na Semana de Moda de Milão. Segundo Marco Bizarri, CEO da grife, usar esse tipo de material virou algo "antiquado".

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.