Coluna

Luxo por Márcia Travessoni - Joias, fragrância e bolsas

00:00 · 05.08.2017

As belezas das terras portuguesas foram as inspirações para a coleção "Azulejos", da cearense Suzane Farias. Em sua última viagem a Portugal, a designer de joias fez uma imersão na cultura do país e apurou referências culturais e artísticas para a produção. A coleção é composta por anéis, pulseiras, brincos e colares, e apresenta elementos como formas geométricas, animais e flores. As peças se dividem entre tonalidades de azul, vermelho, verde e amarelo e conta com pedras como quartzos, esmeraldas e diamantes.

Image-1-Artigo-2276486-1

 

My Burberry Blush é o nome que leva o novo Eau de Parfum da Burberry, que faz referência ao universo feminino em todos os seus detalhes. O primeiro deles é o aroma, que combina frutas e flores: romã acetinada, limão vibrante, pétalas de rosas, jasmim e wisteria são algumas das notas que compõem a fragrância. Outro detalhe marcante é o frasco, no qual dois tons de rosa e um laço feito à mão agregam ainda mais sofisticação ao produto da marca britânica.

Image-0-Artigo-2276486-1

A nova linha da Prada, Cahier Velvet, tem o veludo como um dos protagonistas e é bastante versátil, a começar pelos dois estilos de bolsa oferecidos: tiracolo e pochete. A coleção é produzida a partir da técnica carpet point, que faz uma combinação de artesanato com tecnologia e cria nos acessórios um efeito de ilusão de ótica. As bolsas Cahier Velver já estão disponíveis nas lojas da grife no Brasil.

Image-3-Artigo-2276486-1

Destaques

Tradição em sabor

O Champagne Brut da Laurent-Perrier, vanguardista na produção de champagnes há mais de 200 anos, chegou ao Brasil em edição especial e limitada. A bebida apresenta nuances de frutas cítricas, flores, brioche e cogumelos, equilibra perfeitamente os sabores e é ideal para acompanhar mariscos, carnes brancas e aves.

Eleito pela Forbes Brasil um dos 25 melhores presidentes de empresas do País, o presidente da Arezzo e de sua marca homônima, Alexandre Birman, é um dos nomes confirmados na edição deste ano do MaxiModa, que acontece no dia 18 de agosto, no RioMar Fortaleza.

Modernista

Tarsila em Nova York

Image-0-Artigo-2277018-1
As obras de Tarsila do Amaral, um dos principais nomes do movimento modernista da América Latina, serão expostas no Museu de Arte Moderna de Nova York, entre 11 de fevereiro de 2018 e 3 de junho do mesmo ano. Sob o título "Tarsila do Amaral: Inventando Arte Moderna no Brasil", a mostra, antes de chegar ao MoMA (Museum Of Modern Art), tomará lugar no Instituto de Arte de Chicago, entre 8 de outubro deste ano e 7 de janeiro de 2018. A exposição abrange desde as obras pioneiras da carreira da artista às pinturas emblemáticas produzidas por Tarsila depois de seu retorno ao Brasil. Serão, aproximadamente, 130 peças artísticas, incluindo pinturas, desenhos, sketchbooks e fotografias coletadas nos Estados Unidos, América Latina e Europa.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.