Coluna

Pompeu Vasconcelos: Posse do Tribunal Redional Federal

Pompeu Vasconcelos (Gente)

pompeu@diariodonordeste.com.br

00:00 · 08.04.2017
 
 
 
 

Superconcorrida! É o mínimo que podemos dizer da solenidade de posse dos membros da nova mesa diretora do TRFda 5ª Região. Entre os muitos rostos poderosos que aterrissaram no Recife para prestigiar os desembargadores Cid Marconi, Manoel Erhardt e Paulo Machado, empossados como vice-presidente, presidente e corregedor da Corte, respectivamente, encontramos os governadores dos seis estados que compõem a 5ª Região - Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas e Sergipe - além de vários ministros do STJ e STF, e também o presidente do Congresso Nacional, Senador Eunício Oliveira. 

Image-4-Artigo-2224779-1

Vice-presidente da ABIH, Darlan Leite, o prefeito de Aracati,Bismarck Maia e o vice-presidente da Fiec,Carlos Fujita, deram um rasante em Recife para prestigiar a posse do desembargador federal cearense Cid Marconi na vice-presidência do Tribunal Regional Federal da 5ª Região

Image-7-Artigo-2224779-1

Pedro Virgílio soprou sua primeira velinha na bem cuidada festinha articulada por Camila e Rai Ximenes no buffet de Roberta Nogueira 

Image-2-Artigo-2224779-1

O vento anda a favor do cantor Paulo José. É que o barítono se apresentará, dia 20 de abril, no The Dimenna Center, em Nova York

Image-6-Artigo-2224779-1

Paulo Ximenes acompanhou Sabrina Max ao aniversário de Pedro Virgílio Mendes

Image-5-Artigo-2224779-1

Ludmila Amaral e Lívia Holanda curtiam as batidas do DJ Fil, no Moleskine

Image-0-Artigo-2224779-1

Sílvia de Castro e Marília Vasconcelos dividiam com Rafael Leal e Pompeu Vasconcelos, uma mesa no estrelado Restaurante Eleven, em Lisboa 

Image-1-Artigo-2224779-1

Nekita Romcy participou dos festejos da Páscoa chez Maria Lúcia Carapeba

Image-3-Artigo-2224779-1

Marcel Feitosa e George Lima incrementando as vendas da Audi Fortaleza

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.