Coluna

Márcia Travessoni: Reservas

Márcia Travessoni (Gente)

marcia.travessoni@diariodonordeste.com.br

00:00 · 10.06.2017

Felipe Rocha preparou menus especiais para os casais que desejarem celebrar o Dia dos Namorados, na próxima segunda-feira, em grande estilo na Cavalieri. O cardápio especial tem duas variações: Simples, que contempla entrada, prato principal e sobremesa para duas pessoas; e o Harmonizado, que inclui vinhos e espumantes acompanhando os pratos. Ceviche de Saint Peter com limão siciliano, risoto de cogumelos de Guaramiranga e cocada de forno são alguns dos pratos disponíveis para o dia. As reservas são limitadas.

Image-0-Artigo-2252104-1

Liliana Linhares ganhou almoço surpresa de aniversário, no Moana, articulado pelas amigas. Lia Linhares, Roberta Nogueira, Wayne Moreira, Sakie Brookes, Liliana Diniz e Renata Ciriaco foram algumas das queridas que foram abraçar a aniversariante.

Em festa

Cercada do carinho da família, Aunésia Ayres de Moura comemora aniversário neste domingo, em hotel no Cumbuco. Depois, ela dividirá o brinde com Hermione Goes, no Ideal Clube. São também aniversariantes deste fim de semana Fernanda Peixoto e Natasha Martins.

Na casa dos avós Ila e Enéas Bezerra, a pequena Liz comemora o primeiro aniversário com festa junina, menu e bolo temáticos. A baby é filha de Aline e Daniel Borges.

Agenda

Neste domingo acontece mais uma prévia do Fortal, desta vez com o bloco Vumbora. A animação começa às 17h, no Colosso Lake Lounge.

Entre as ações para os casais apaixonados preparadas pelo Shopping Benfica, degustação de vinhos com o sommelier Renato Brasil, neste sábado, e o Estúdio dos Namorados do Shopping Benfica, espaço que ficará instalado até segunda-feira e no qual será possível fazer um CD com as músicas que lembrem o casal e gravar uma apaixonada declaração. Toda a programação é gratuita e aberta ao público.

Giro

A pousada Locanda Della Mimosa, em Petrópolis, foi o cenário escolhido por Alana e Edinho Burlamarqui para celebrar a união, no último fim de semana, evento que contou com a presença de vários cearenses (1). /// Danilo e patrícia Dias receberam, esta semana, um grupo com as principais dermatologistas de Fortaleza, ocasião em que a Dra. Kaline Ferraz ministrou palestra sobre as últimas novidades para tratamento de olheiras (2). /// Aline Telles e Emanuel Chaves comemoraram os 15 anos de Emanuel Filho com jantar de sushi para toda a família. O avô, Everardo Telles, é só orgulho do neto (3). /// Denise rolim foi destaque no quesito elegância, em recente evento na cidade (4).

Vera Pontes, Edinho e Glorinha Burlamarqui (1)

Kaline Ferraz e Patrícia Dias (2)

Tatiana e Dário Telles, Emanuel Chaves Filho e Everardo Telles (3)

Denise Rolim (4)

Industrial

Com décadas de experiência e de dedicação à categoria, Jorge Parente coleciona cargos como representante do setor industrial. Atualmente, o empresário atua como um dos vice-presidentes da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Hoje você é reconhecido pelo trabalho na área industrial, mas, durante a infância, o futebol teve papel importante e você atuou até como jogador. A carreira esportiva chegou a ser uma opção?

Joguei futebol de campo e de salão, como toda criança de minha época, mas sempre como diversão e prática esportiva.

Como foi a sua trajetória empresarial até chegar ao atual cargo de vice- presidente da Confederação Nacional da Indústria?

Minha atuação na área de entidade de classe começou em 1995, como presidente do Sindicato das Indústrias de Laticínios do Ceará. Em 1996, fui eleito presidente do Centro Industrial do Ceará, uma verdadeira universidade de líderes. Já em 1999, assumi o primeiro mandato de presidente da Fiec (Federação das Indústrias do Estado do Ceará). Fui reeleito para um segundo mandato até 2006 e, no mesmo ano, assumi a vice-presidência da CNI, cargo que ocuparei até outubro do próximo ano. Sou, também, presidente do Conselho de Responsabilidade Social Empresarial (Cores).

Como as suas experiências de liderança em entidades de classe, em nível estadual, influenciam, hoje, no seu trabalho na CNI?

Entendo que a atuação nas entidades de classe representa um protagonismo para compartilhar os avanços requeridos pelo setor industrial, visando a implantação de políticas que venham ao encontro de uma maior competitividade e melhora nos índices de produtividade da indústria nacional. À frente do Cores, destaco como grande contribuição duas ações principais. A primeira é a difusão do projeto "Construindo a Nação", onde, com o apoio do Sesi, proporcionamos a sensibilização de mais de 500 mil estudantes de escolas fundamentais e básicas de 25 estados do Brasil para uma visão social, com respeito ao meio ambiente, com ética e bons princípios morais. E, também, a filiação ao pacto global da ONU (Organização das Nações Unidas) para juntar esforços a fim de construir os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis até 2030.

Quem são seus inspiradores, na vida e no trabalho?

Em primeiro lugar, meu pai (Jorge Parente Frota), pessoa que tinha visão estratégica extraordinariamente grande, há mais de 50 anos. Meu sogro, Roberto Bezerra de Menezes, pessoa de grande conhecimento que me incentivou a cursar Economia. Nas entidades de classe, me inspirei em Ednilton Gomes de Soárez e, na Fiec, vi em Fernando Cirino Gurgel um grande líder. Na área empresarial, destaco o aprendizado obtido no grupo J. Macêdo, durante 15 anos de trabalho, e o sucesso na Betânia, compartilhado com Bruno Girão.

Como gosta de aproveitar as horas vagas?

Meu lazer preferido é a leitura. Gosto, também, de ir à Praia de Paracuru e assistir aos jogos do Ceará Sporting Clube pela TV, além de viajar.

Um livro.

Muitos livros me impressionaram, como a Formação Econômica do Brasil, de Celso Furtado, Casa-grande & Senzala, de Gilberto Freyre e a biografia de Mahatma Gandhi.

Uma viagem.

Costa Amalfitana, na Itália.

Uma personalidade que gostaria de conhecer.

Bill Gates.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.