Coluna

Márcia Travessoni (Gente): registros

Márcia Travessoni (Gente)

marcia.travessoni@diariodonordeste.com.br

00:00 · 07.07.2018

Vitor e camila Moreira acabaram de retornar de tour pela Ásia. No roteiro, passagem por Koh Samui, uma das maiores e mais luxuosas ilhas da Tailândia, com praias paradisíacas; a capital Bangkok; e Bali, na Indonésia - onde eles ficaram no Mandapa, um luxuoso hotel instalado ao longo do rio Ayung, no coração cultural da cidade. Para finalizar, o casal desfrutou ainda de dois dias em Amsterdã (1). /// Stella rolim é uma das anfitriãs da recepção do batismo, neste sábado, do neto Andrezinho, filho de Paula e André Rolim. O pequeno receberá as bênçãos na Capela de Santa Filomena (2).

foto
Vitor e Camila Moreira (1)

Image-0-Artigo-2423139-1
Stella Rolim, Fernanda Mattoso e Vânia Macedo (2)

Floral

foto
Clicada em recente evento na Beira Mar, Raissa Rodrigues evidenciou ainda mais a elegância em uma produção floral cheia de charme.

Destaque

Image-0-Artigo-2423098-1
Talysie Mihaliuc superfeliz com a aprovação da filha Nicole Franco no vestibular para cursar Medicina em Sobral

Estação

R$ 84 milhões é o valor no qual está orçado o investimento que Governo do Estado e Prefeitura deverão fazer na Estação das Artes do Ceará, projeto que foi apresentado na última sexta. Inspirado em iniciativas como a Estação das Docas, em Belém, e o Mercado da Ribeira e a LX Factory, em Lisboa, o equipamento vai ocupar o prédio principal, demais edifícios e áreas do entorno da antiga Estação João Felipe, no Centro da Capital. A licitação está marcada para o dia 17.

Bastidores

Miriam Almada recebe, segunda-feira, em seu apartamento, as integrantes do consórcio. Lennie Sabóia, Vera Tigre, Emilse Oliveira, Isabel Arruda, Karina Sampaio, Fátima Duarte, Mires Dantas, Ilka Tigre e Lúcia Castelo Branco estão confirmadas.

Em solenidade marcada para o dia 12 de julho, às 18h30, na Assembleia Legislativa, será oficialmente instalada a Academia Cearense de Turismo (ACT). Pedro Carlos da Fonseca é o presidente da entidade.

Germano Almeida, Nazaré Leal, Elza Moreira, Cláudia Leal, Gina Jucá e Márcia Cavalcante são os aniversariantes deste fim de semana.

Agenda

O coletivo Mana a Mana realiza neste sábado a edição especial de férias da feira de empreendedoras, com 20 marcas, entre decoração, roupas e gastronomia. Além dos produtos à venda, o encontro terá uma roda de conversa sobre empreendedorismo e autocuidado e uma oficina de queijos veganos. A Feira Mana a Mana acontece das 16h às 21h, na Av. Santos Dumont, 840, e tem entrada gratuita.

Prevenção

Image-0-Artigo-2421253-1
Chefe da Divisão Médica da Maternidade Escola Assis Chateaubriand (Meac), a ginecologista Zenilda Bruno criou, há mais de três décadas, o Ambulatório do Adolescente, cujo foco era fazer com que jovens precocemente grávidas empoderassem seus corpos, pudessem viver a própria sexualidade e, consequentemente, planejar o futuro. Um desafio que se renova diariamente, de diversas formas.

A quais fatores se pode atribuir a alta incidência de gravidez na adolescência?

A adolescente está iniciando a atividade sexual cada vez mais cedo sem uso de preservativo ou qualquer outro método anticoncepcional. As medidas de prevenção são necessárias desde muito precoce, 10, 11 anos de idade, na escola e na família. Não adianta apenas proibir o início da atividade sexual e sim orientar para o uso de método anticonceptivo, de preferência a associação da camisinha e do anticoncepcional oral. Acreditamos muito na educação sexual nas escolas. Tivemos um excelente projeto de formação de adolescentes multiplicadores, onde eles eram treinados e repassavam conhecimento e experiência para outros mais jovens. A menina que engravida, em geral, tem uma baixa autoestima e não exige do parceiro o uso do preservativo e, por outro lado, tem medo da família descobrir que está tomando anticoncepcional oral.

A gravidez na adolescência é algo recorrente desde gerações passadas. Existe alguma diferença entre os perfis das jovens que engravidavam cedo 40 anos atrás e as que passam por isso hoje?

O aspecto positivo é a diminuição do percentual de adolescentes que engravidam, houve um pequeno declínio. Porém, tem um aspecto muito negativo, a idade da gravidez é cada vez mais cedo destas meninas. Verificamos, em estudo recente, que em 2006, a média de adolescentes grávidas que fizeram o pré-natal na Meac (Maternidade Escola Assis Chateaubriand) era de 16,2 anos, enquanto em 2016 essa idade diminuiu para 15,3 anos. Neste mesmo estudo, verificamos que em 2006, 26 % das meninas tinham tido atividade sexual antes de 14 anos, o que modificou em 2016. Neste ano, 48,5% das meninas iniciaram atividade sexual antes de 14 anos, o que caracteriza estupro de vulnerável.

Quais os resultados mais nítidos que você observa desde a criação do Ambulatório do Adolescente, na Maternidade Escola Assis Chateaubriand?

Observamos uma incidência menor de recorrência de gravidez, ou seja, essas meninas passaram a frequentar mais o planejamento familiar, iniciaram o uso de anticoncepção e sobretudo de camisinha.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.