carreira

Ano de glória de Marina Ruy Barbosa

Vivendo fase relevante da carreira, a atriz global Marina Ruy Barbosa coleciona pontos altos em 2017

00:00 · 30.12.2017

Da mídia brasileira aos holofotes internacionais, Marina Ruy Barbosa é um exemplo de personalidade que soube aproveitar cada momento de 2017 a seu favor. Apesar de não ter participado de nenhuma produção televisiva - sua área de atuação mais conhecida - durante todo o ano, ela permaneceu como uma das celebridades mais acompanhadas e comentadas.

Todo esse "buzz" sobre a figura de Marina não é à toa. Em 2017, a atriz não só passou por grandes mudanças na vida pessoal, como também estreitou ainda mais a sua relação com a moda e passou a ter reconhecimento internacional nesse segmento. Se durante os vários anos de carreira, Marina construiu todo o império e sucesso que possui hoje, 2018 provavelmente será um ano de colher frutos ainda maiores, especialmente dos grandes passos dados este ano.

2017

O ano de Marina foi marcado principalmente por dois grandiosos eventos. Em setembro, ela foi uma das modelos que brilhou no desfile da Dolce & Gabbana na Milan Fashion Week. A brasileira é uma das queridinhas dos estilistas italianos Stefano Gabbana e Domenico Dolce - que, inclusive, assinaram o vestido usado por ela em seu casamento, no mês seguinte.

A atriz disse "sim" ao empresário Xande Negrão nos jardins da mansão da família do noivo. A celebração reuniu um poderoso time de famosos, composto por Giovanna Ewbank, Bruno Gagliasso, Angélica, Luciano Hulk, Anitta, a jornalista Glória Maria, dentre outros nomes.

Carreira

Marina Ruy Barbosa nasceu em 1995, no Rio de Janeiro. A pouca idade se opõe à grande experiência da atriz no mundo artístico, já que ela acumula inúmeros trabalhos na televisão e no cinema.

Uma das primeiras grandes aparições na TV foi na novela "Começar de Novo", em 2004, que rendeu um convite para compor o elenco de "Belíssima", no ano seguinte. Já contratada como artista exclusiva da Rede Globo, Marina foi conquistando trabalhos consecutivos, como em "Sete Pecados", "Escrito Nas Estrelas" e na minissérie "Tudo Novo de Novo".

O amadurecimento artístico começa em 2011, em "Morde & Assopra", de Walcyr Carrasco, na qual teve destaque interpretando a vilã Alice, que posteriormente virou mocinha. De lá pra cá, ela esteve em "Amor Eterno Amor", "Império" e "Totalmente Demais", para mencionar alguns. Um dos mais marcantes trabalhos recentes foi na minissérie "Justiça", em que Marina interpretou Isabela, noiva do personagem Vicente, vivido pelo ator pernambucano Jesuíta Barbosa.

Além do notável desempenho nas telinhas, a carioca é envolvida com atividades filantrópicas, principalmente com as causas dos animais abandonados e das pessoas com câncer. A atuação como membro e parte das campanhas do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC) e da Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia (ABRALE) complementam o que já se sabe sobre ela: Marina Ruy Barbosa é uma artista que, embora ainda esteja em evolução, já se mostra completa.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.