Gestação

Grávida de oito meses e meio, nutricionista puxa 400 kg na musculação

Gabriela conta que o médico ficou assustadíssimo com sua paciente, mas acabou se conformando com a mamãe marombada

16:20 · 06.09.2015
Nutri marombada
Gabriela Zugliani mostra barriga super sarada aos oito meses e meio de sua terceira gestação Foto: Reprodução/ Instagram

As três gestações de Gabriela Zugliani nunca foram motivo para ela deixar de malhar, ou melhor, de deixar de pegar pesado na academia. A nutricionista carioca de 31 anos, que está com oito meses e meio de gestação, repete na gravidez da filha Betina o mesmo que fez na de seus outros filhos, Gabriel, 4 anos, e Bruno, 2: a prática da musculação extrema.

Gabriela puxa ferro literalmente. Para se ter uma ideia, a nutricionista conta que só no agachamento carrega nas costas 150 quilos. No leg press, aquela cadeira que faz as pernas empurrarem peso, a carga varia de 400 a 500 quilos. "Não façam o que eu faço", alerta Gabriela: "Todos os meus seguidores do Instagram sabem do seu limite e esse é o meu. Sempre malhei, meu corpo está acostumado com tanto peso".

Gabriela conta que o médico ficou assustadíssimo com sua paciente, mas acabou se conformando com a mamãe marombada. Ela, por sua vez, garante que nunca teve problema nas gestações por conta da carga pesada da musculação. "Meus filhos nasceram no peso ideal, cerca de três quilos e pouco cada um e mamaram no peito", afirma.

Até agora a nutricionista só engordou quatro quilos e meio. Isso graças à alimentação controlada que ela elaborou para si. Glúten, lactose, carne vermelha e frango não entram no seu prato. A restrição também cabe a algumas frutas. Como elas têm açúcar, a frutose, apenas banana, laranja ou maçã no suco verde e as frutas secas são permitidas. Para complementar sua dieta, Gabriela não abre mão da suplementação usada pelos mais fortes e sarados: os aminoácidos whey protein, glutamina e BCAA. "Me alimento assim há muito tempo e já estou acostumada. O meu conselho para as grávidas é: comam bem e façam exercícios moderados, sempre com acompanhamento.", disse, em entrevista ao site Ego

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.