história

Mostra reúne fotos de Pe. Cícero

Acervo oferece oportunidade para que mais pessoas possam conhecer a história do fundador de Juazeiro

00:00 · 06.09.2015 por Elizângela Santos - Colaboradora
Image-0-Artigo-1924083-1
Image-1-Artigo-1924083-1
A I Exposição Fatos e Fotos do Padre Cícero, do fotógrafo Raimundo Ferreira Araújo, traz mais de 40 imagens, 17 delas estão entre as mais antigas, em melhor estado, que pode encontrar do religioso, até os seus últimos momentos

Juazeiro do Norte. Imagens originais do Padre Cícero e personalidades da época, aos poucos foram desaparecendo pela falta de zelo com a memória da cidade. No entanto, o restauro de muitas imagens do acervo tem permitido que o morador do município ou visitante venha a conhecer fatos importantes do fundador da cidade e personalidade considerada santa por uma multidão de romeiros.

A cidade, que vive sob a sombra do seu fundador, ainda não tem locais que realmente exponham a história, por meio de imagens, para o visitante que deseja conhecer de forma mais ampla a vida do homem que se tornou um 'santo' popular.

A I Exposição Fatos e Fotos do Padre Cícero, do fotógrafo Raimundo Ferreira Araújo, traz mais de 40 imagens, 17 delas estão entre as mais antigas, em melhor estado, que pôde encontrar do Padre Cícero, até os seus últimos momentos.

O material foi restaurado de um acervo único. A exposição acontece até o dia 15 de novembro, no Memorial Padre Cícero, em Juazeiro do Norte. A expectativa é que mais de cem mil pessoas visitem o local, por conta da romaria da Mãe das Dores, que começa oficialmente no dia 10 de setembro.

Após realizar a prospecção do material, solicitar aos amigos, ou moradores de Juazeiro que tivessem alguma foto do Padre Cícero, ele foi recuperando o material por meio de um escaneamento em alta resolução. Com isso, presenteava o doador com uma foto maior, além de devolver a que havia sido ofertada para a recuperação do original.

Preservação

Muitas vezes, conforme Araújo, as pessoas até tinham a intenção de doar, mas ele afirma que desistiam, ou mesmo nem se identificavam para isso. Ele acredita que havia o medo de revelar a origem da foto. Esse processo, segundo ele, faz com que hoje possa chamar a atenção da população e dos órgãos públicos, para a preservação da memória da cidade. Para se ter uma ideia, o fotógrafo afirma que apenas seis, das 17 fotos, que atualmente estão expostas no memorial, compõe o cervo local.

"São imagens muito ruins. Há alguns anos, a gente podia conhecer um material mais rico e em melhor qualidade", diz ele, ao ressaltar que é necessária uma atenção maior com esses documentos que revelam a história de um ícone da religiosidade no mundo.

O olhar direcionado ao romeiro, também está contido entre as imagens que se misturam entre o velho e o novo. As crianças que recebem a primeira comunhão do Padre Cícero, os romeiros que pedem a bênção ao 'padim', ao virem para o Juazeiro.

O prestígio do Padre Cícero nas primeiras décadas do século passado, pelas autoridades já era algo notório. Numa das fotos, ele está ao lado do então presidente do Ceará, José Moreira da Rocha.

Além de recepcionado pelo sacerdote, fora recebido também pelo médico, Floro Bartholomeu da Costa, no sítio Malvas, Juazeiro do Norte, em 1925. Na Capela de Nossa Senhora das Dores, hoje Basílica, ele se deixa fotografar em 1913, ao lado de jovens de Juazeiro do Norte, durante primeira comunhão.

O acervo do profissional já conta mais de 7 mil imagens sobre Juazeiro e o Padre Cícero. Mas a ideia de expor, veio após a visita do fotógrafo a alguns museus da Europa, onde constatou a história de importantes personagens sendo contada por meio das fotografias. "Isso, não podemos perder, principalmente numa cidade como Juazeiro do Norte, com pouco mais de cem anos. Até porque já não há como recuperar grande parte do acervo do sacerdote", lamenta.

Para Araújo, poderá haver a reabilitação, e até durar anos, mas é importante uma forma de manter o que se tem atualmente, de forma bem preservada. Ele fez a doação de todas as imagens que está expondo, ao Memorial Padre Cícero. São fotos emolduradas em tamanho 40x60.

Livro

O seu próximo trabalho será um livro, em que irá compor de 300 fotografias, mas através de uma forma diferente. Para tanto, irá percorrer as principais cidades romeiras do Nordeste, para selecionar um acervo especial para a publicação.

A exposição Fatos e Fotos do Padre Cicero e das Romarias, estará não apenas em Juazeiro do Norte, mas a pretensão de Araújo é começar a fazer o Nordeste, percorrendo as principais cidades, marcadas pela presença romeira, como dos estados do Pernambuco, Piauí, Paraíba, dentre outros. 

Mais informações:

I Exposição Fatos e Fotos do Padre Cícero

Memorial Padre Cícero

Praça do Cinquentenário

Telefone (88) 9-9966.7755

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.