Juazeiro do norte

II Cariri Forte é planejada para fomentar setores produtivos

Feira de Oportunidades contará com 50 estandes montados no Palácio da Microempresa

00:00 · 05.10.2014
Image-0-Artigo-1713635-1
A valorização do artesanato é uma das metas a ser alcançada pela Feira ( fotos: elizângela santos )
Image-1-Artigo-1713635-1
O lançamento do evento aconteceu nesta semana em Juazeiro do Norte. O fomento aos negócios e despertar de jovens empreendedores estão entre os objetivos

Juazeiro do Norte. Com uma perspectiva de fortalecimento de vários segmentos produtivos, foi lançada esta semana, a II Feira de Oportunidades e Tendências Empreendedoras (II Cariri Forte). Serão mais de 50 estandes montados no espaço do Palácio da Microempresa, em Juazeiro do Norte. A feira será realizada de 15 a 17 de novembro e tem o objetivo de fomentar negócios para a região. Durante os três dias, a pretensão é levar ao local mais de 3.500 pessoas, com um montante em negócios previstos de R$ 800 mil.

Além de inovar em mais setores e público diversificados, o evento traz um espaço diferenciado para o Palácio da Microempresa, do Sebrae, incluindo além dos ambientes de rodada de negócios, área para debater design de interiores com inspiração regional, entre os profissionais da região, e também setores destinados à gastronomia e serviços. A meta é poder atender os micro e pequenos empreendedores e inserir segmentos voltados para a moda de calçados, confecções, joias e semijoias, artesanato, entre outros setores.

Uma das grandes novidades para este ano, segundo a coordenadora regional do Sebrae, no Cariri, Tânia Porto, será um incentivo maior de modernização tecnológica, com a exposição de maquinários, para os empresários locais, além de levar aos empreendedores o conhecimento das normas Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Durante o lançamento do evento, estiveram presentes autoridades municipais e ligadas ao turismo, indústria e área de investimentos. O gerente geral da Caixa Econômica, Rildo Freitas, destacou a importância de fomentar eventos do porte, no intuito de promover o desenvolvimento local. Ele disse que a II Cariri Forte "será uma oportunidade de incentivar o mercado e dar sustentabilidade à economia local", destacou.

Circuito

A coordenadora do Sebrae disse que a feira se constitui com uma das várias que serão criadas em regiões do Estado, por meio de um circuito de eventos no intuito de incentivar e trazer o que há de novo para o empreendedor. Um dos eventos que passa a ser incorporado ao II Cariri Forte é a Rodada de Negócios, antes realizada de forma independente. O evento promovia principalmente o artesanato local para as diversas regiões do Brasil. Serão 21 compradores de vários estados do Nordeste, Sul e Sudeste, além de mais 59 integrantes de setores produtivos do Ceará.

Par o presidente do Sindicato das Indústrias de Calçados e Vestuários do Cariri (Sindindús-tria), Antônio Mendonça, também secretário de Desenvolvimento Econômico de Juazeiro do Norte, a feira traz diversos segmentos, inserindo a indústria, com produtos e serviços.

Ele destaca que o grande desafio é tornar esse evento conhecido e demonstrar a dinâmica de desenvolvimento do Cariri nos últimos anos, principalmente. Conforme Mendonça, é uma feira regionalizada com as potencialidades do Cariri e mostra também a força do comércio, um dos setores mais fortes da economia regional, principalmente em Juazeiro do Norte.

Ele destaca o sucesso da primeira edição, com um bom público participante. A expectativa dessa segunda-feira, conforme o presidente do Sindindústria, é dar um impulso maior, demonstrando que essas tendências potenciais de crescimento estão cada vez mais em evidência no mercado. O público participante da feira poderá ter acesso a informações para abertura de empresas, novas tecnologias, oficinas e palestras direcionadas ao desenvolvimento e estímulo à cultura empreendedora. A divulgação de novas oportunidades, traçando um diferencial de mercado, foi um dos pontos enfatizados durante a apresentação, como forma de tornar a feira atrativa. Além disso, tem a meta de criar novas oportunidade de mercado, levando às pessoas produtos e serviços.

Potencial

O público-alvo está voltado, conforme os organizadores, para potenciais empreendedores do Cariri, incluindo estudantes de nível técnico e universitários, e terá como atrações fortes, além da exposição de novas oportunidades, produtos e serviços, ca-pacitação e consultorias direcionadas exclusivamente para microempreendedores individu-ais, microempresa e empresas de pequeno porte.

Um espaço será destinado dentro da feira à Casa Cariri, uma mostra de ambientes pensados para representar espaços de uma casa totalmente produzida com produtos da região, demonstrando o potencial criativo regional para interiores, inovação e regionalismo, a partir de uma leitura atualizada. A "Arena de Serviços" criada dentro da feira, será um espaço voltado para a apresentação de formatos de empreendimentos já prontos para serem implantados, com curso acessível e todas as orientações necessárias para quem desejar investir num novo negócio.

A II Cariri Forte ainda contará com a apresentação do espaço "Perfis da Moda", com consultores especialistas, mostrando perfis específicos de empreendimentos relacionados à Moda, Rodada de Negócios e Artesanato e a 'Arena Start Ups', com empresas relacionadas à Internet, demonstrações de produtos e serviços que podem ser utilizados para desenvolver ou ampliar negócios. Serão seis empresas relacionadas à tecnologia, que irão se apresentar num espaço diferenciado e interativo, em que o público terá a oportunidade de conhecer as últimas tendências de mercado e como pode ser direcionado o seu negócio. (E.S)

Mais informações:
Palácio da Microempresa Sebrae
Escritório de Juazeiro do Norte
Ceará
Matriz
Telefone: (88) 3512.3322

Comentários


Li e aceito os termos de regulamento para moderação de comentários do site.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.