games para internet

Estudante é revelação na produção de jogos eletrônicos

00:00 · 05.07.2015
d
Wislley diz que , o trabalho iniciou como um hobby, mas teve um grande incentivo do público, que pedia cada vez mais vídeos ( FOTO: ELIZÂNGELA SANTOS )

Juazeiro do Norte. O estudante de Direito juazeirense, Wislley Costa, será o único representante do Nordeste no Arena Game Show 2015, que está acontecendo em São José dos Campos, em São Paulo, até o dia de hoje. O encontro reúne produtores de games para, o Youtube, de todo o Brasil. Ele é um dos poucos nos estados nordestinos a se dedicar a esse tipo de atividade, que vem resgatando principalmente produções de três décadas atrás, por meio do canal 'Jogos Antigos',assim ele tem conseguido uma legião de fãs no Brasil, principalmente no Sul e Sudeste, onde se encontra a maior parte desses produtores de games para Internet.

Com mais de 42 mil inscritos em seu canal, recentemente ele atingiu 2 milhões de visualizações. São mais de duas mil novas adesões de público a cada mês. O estudante irá realizar palestras e workshops nos três dias de participação no Arena Game, que acontece no shopping Expo Vale Sul. Wislley vai falar sobre o que mais o tem empolgado nos últimos anos, e que até já pode se dedicar profissionalmente, caso queira, no que iniciou apenas como hobby.

O jovem fará explanações no palco principal do evento, com dezenas de produtores de jogos do Brasil, sobre o que são vídeos relacionados a games no Youtube, como crescer o seu canal e ainda a relação com os fãs, entre outros temas. Atualmente, ele conta com mais de 100 mil visualizações por mês dos jogos que produz.

Espaço

Segundo o estudante, a produção de games no Youtube já acontece há alguns anos, e algumas pessoas, conforme ele, começaram a gravar 'game plays' no Youtube ao mesmo tempo em que comentavam a respeito. Muitos desses comentaristas inicialmente tiveram milhares de inscritos, e passaram a ultrapassar marcas de milhões deles. Wislley começou a perceber que havia um espaço na área.

Os vídeos começaram a ser feitos com abordagem de jogos como Fliperama, Super nitendo, Playstation, entre outros que fizeram sucesso nos anos 80 e 90. Com isso, ele atingiu um diferencial na produção desse material, alcançando um público maior, na faixa etária de 18 a 35 anos. O crescimento do canal, que teve início com uma brincadeira, começou a ter um sentido mais profissional para o estudante. Ele pode até optar por mais essa profissão de criador de vídeos de games. Os produtores desses vídeos são remunerados por meio de uma network americana. A empresa paga por visualizações. A cada mil visualizações, o estudante recebe U$S 2.

Para Wislley, o trabalho que iniciou como um hobby teve um grande incentivo do público que pedia cada vez mais vídeos. "Comecei a profissionalizar o trabalho com investimentos em equipamentos como câmera, edição, e essas novas aquisições foram feitas como o dinheiro que conquistei a partir dos games", conta o jovem.

No momento, ele afirma que a ideia é investir e já fala até que algumas pessoas ficaram ricas com os vídeos e que conseguem viver desse trabalho.

Por enquanto, ele com os amigos que fazem games no Brasil, estarão reunidos até este final de semana, ampliando ainda mais a audiência do seu canal 'Jogos Antigos'.

Mais informações:

Arena Game Show 2015
Realização de 3 a 5 de julho
São José dos Campos
São Paulo

Comentários


Li e aceito os termos de regulamento para moderação de comentários do site.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.