Formação sacerdotal

Crato vai contar com novo seminário

O espaço reunirá os vocacionados para o curso propedêutico, que prepara para as etapas de Filosofia e Teologia

00:00 · 01.11.2015 por Elizângela Santos - Colaboradora
Image-0-Artigo-1959220-1
Equipamento disporá de dormitórios e capela para ajudar no crescimento espiritual ( Foto: Elizângela Santos )

Crato. Este município ganhará novo seminário católico, para formação de vocacionados ao sacerdócio. O novo prédio está sendo construído no bairro Grangeiro e receberá o nome de ]Dom Fernando Panico, a ser inaugurado ainda neste ano.

Na Diocese de Crato, o curso propedêutico funcionou até este ano em Barbalha. Os seminaristas residiam na casa paroquial da cidade, deslocando-se, diariamente, ao Crato para cursarem o Ensino Médio.

Segundo o chanceler da Diocese do Crato, Armand Rafael, Neste ano o bispo de Crato, dom Fernando Panico, resolveu construir o novo empreendimento, com recursos próprios da Cúria Diocesana.

Reconhecimento

Em reconhecimento à sua iniciativa, os membros dos três conselhos consultivos da diocese - Presbiteral, Econômico e Colégio de Consultores - resolveram denominar o novo educandário com o seu nome, cuja inauguração fará parte da programação pelos festejos dos 70 anos de idade do bispo de Crato, a ocorrer no próximo dia 27 de dezembro.

Os estudantes desses espaços, são conhecidos como "seminaristas" e recebem a preparação cultural e espiritual nos Seminários Menor (curso de Filosofia) e Maior (curso de Teologia). Desde 1875 funciona, em Crato, o Seminário São José (hoje dotado de ambos os cursos), o pioneiro no Interior do Ceará. Entretanto, antes de cursarem Filosofia e Teologia, os candidatos ao sacerdócio passam pelo curso propedêutico. "Trata-se de um período de estudos destinado a suprir as lacunas iniciais de ordem espiritual, cultural e humana nos adolescentes que aspiram à ordenação como padres católicos", explica o chanceler.

As instalações físicas do seminário propedêutico Dom Fernando Panico ocuparão uma área de 700 m2 localizadas, num terreno doado, em testamento, à Diocese de Crato, pelo falecido monsenhor Francisco Holanda Montenegro. Naquele sítio urbano também será construído um Lar Sacerdotal, destinado aos padres idosos - já aposentados de suas atividades pastorais - cumprindo um desejo do doador do imóvel. As novas construções estão sendo erguidas em meio às árvores, tendo como cenário, ao fundo, a paisagem da vegetação da Chapada do Araripe.

Capela

O novo espaço disporá de cômodos para dormitórios, salas de estudos, atividades de informática e televisão, biblioteca, cozinha, despensa, área de lazer, além de uma capela para orações, dedicada a São João Paulo II. A capela será a primeira da Diocese de Crato a ter como patrono o papa polonês, recentemente canonizado pela Igreja Católica. Além do atual bispo de Crato serão homenageados - com a denominação dos blocos construídos - o bispo-emérito, dom Newton Holanda Gurgel e monsenhores Francisco Montenegro e Vitaliano Mattioli.

Segundo o ecônomo da Diocese, padre Joaquim Ivo Alves dos Santos, as despesas com a construção desse novo patrimônio da Igreja custarão em torno de R$ 430 mil. Falta ainda projetar os gastos com a aquisição dos móveis e equipamentos, mas sabe-se que esses serão doados pelas paróquias. O padre Joaquim Ivo considera que este prédio é marca visível de uma das prioridades do bispo dom Fernando Panico, ou seja, a formação de novos padres.

O bispo de Crato, desde que chegou ao Cariri - há mais de 14 anos - já ordenou 64 novos sacerdotes para a Diocese. Sem contar com aqueles que foram ordenados para outras instituições religiosas. 

Mais informações:

Cúria Diocesana

Rua Teófilo Siqueira, 631

Centro -Crato

Telefones: (88) 3523-7819 / 3521-1110

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.