Atenção

Recall é regra prevista no Código do Consumidor

Ficar alerta às convocações das montadoras é fundamental para manter o carro seguro

08:42 · 04.03.2018
O recall é a convocação obrigatória por fabricantes para que um produto passe pela correção de um defeito que pode oferecer risco à saúde e à segurança de clientes. Trata-se de uma regra prevista no Código de Defesa do Consumidor.
 
“No universo automobilístico, esses chamados também acontecem uma vez que qualquer falha mecânica, eletrônica ou de montagem no veículo pode em algumas situações colocar em risco a proteção, integridade ou segurança de passageiros”, explica Emerson Feliciano, superintendente do CESVI BRASIL/MAPFRE (Centro de Experimentação e Segurança Viária da MAPFRE.
 
Todo serviço a ser prestado na convocação deve ser gratuito, uma vez que é de responsabilidade da montadora reparar os defeitos de fabricação identificados. "Numa situação de recall, o proprietário está amparado pelo Código de Defesa do Consumidor. Apesar de não haver prazo determinado para o conserto, o ideal é fazê-lo o quanto antes para diminuir a possibilidade de acidentes. “É imprescindível que os proprietários de carros atendam ao recall e procurem uma concessionária”, alerta Feliciano.
 
O especialista ressalta ainda que, o aumento de recalls, é uma evidência de que tanto o mercado como as montadoras estão mais atentos aos diretos da população e a questões de segurança do veículo. “As convocações aumentaram nos últimos anos porque os problemas são mais investigados, ou seja, a segurança nunca esteve tão em pauta quanto atualmente”, finaliza.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.