Mercado

Ford firma parceria para produção de elétricos na China

Com participação igualitária entre as partes, o acordo foi fechado com a fabricante de elétricos: Zotye Auto

10:22 · 23.08.2017
ford focus híbrido
A Ford planeja lançar globalmente 13 novos veículos elétricos nos próximos cinco anos
A Ford anunciou a assinatura de um memorando de entendimento com a Anhui Zotye Automobile Co., Ltd., fabricante de veículos elétricos na China. O objetivo é a criação de uma joint venture para o desenvolvimento, produção, venda e manutenção de uma nova linha de elétricos de passageiros no mercado chinês.“Poder lançar uma nova linha de veículos totalmente elétricos no maior mercado automotivo do mundo é um passo empolgante para a Ford na China”, diz Peter Fleet, presidente da Ford Ásia Pacífico. 
 
A China é o mercado de veículos com energias alternativas que mais cresce no mundo. A expectativa da Ford é que ele chegue a 6 milhões de unidades por ano em 2025, sendo cerca de 4 milhões totalmente elétricos. E nesse contexto, a Zotye Auto foi uma das primeiras a produzir carros totalmente elétricos na China, mercado que lidera no segmento de compactos. Até julho deste ano, a marca já vendeu mais de 16 mil veículos elétricos, que representam um crescimento de 56% sobre o ano passado. Os futuros veículos da joint venture serão vendidos sob uma nova marca local. Informações adicionais sobre produtos e volumes de produção serão anunciados após a aprovação do acordo definitivo.
 
Planos
           
A Ford planeja lançar globalmente 13 novos veículos elétricos nos próximos cinco anos, com um investimento de US$ 4,5 bilhões. O seu primeiro 100% elétrico será um crossover, com revelação prevista em janeiro do próximo ano, nos Estados Unidos, durante a feira de tecnologia CES. Além disso, a marca também anunciou uma ambiciosa estratégia de eletrificação na China: até 2025, 70% dos veículos da marca vendidos no país terão uma opção elétrica.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.