manutenção

Dicas para pintura do seu carro

Chuva, sol em excesso, fezes de pássaros, maresia: a pintura do veículo precisa de manutenção sempre

Fábrica de pintura de veículos da Jeep, em Pernambuco; hora crucial para que o carro ganhe a cor que o consumidor escolheu; o processo é mecanizado e tem o controle dos operadores para facilitar o trabalho
00:00 · 02.04.2018 por André Marinho - Editor
São vário processos de pintura, aqui o momento em que o carro recebe a tinta definitiva, para depois seguir para a concessionária, mas antes enfrenta a cegonha de transporte ( Fotos: divulgação )
Sempre tirar a poeira do carro, lavar com sabão neutro; polimentos são recomendados mas sem excesso para não tirar o brilho
Quem faz muito off road deve ficar atento e logo após a trilha fazer a lavagem completa; areia e lama são vilões e prejudicam muito a pintura ( Foto: André Marinho )

Às vezes por falta de tempo o dono do carro não consegue fazer a manutenção necessária para manter a pintura do veículo em bom estado. Mas, é importante lembrar que quando um carro apresenta danificações na lataria, fica mais difícil de ser revendido. Seu estado de conservação estético é um dos fatores mais importantes na hora da venda.

Existem no mercado três tipos de pinturas automotivas: perolizadas, metálicas e sólidas, mas, independentemente do tipo, é necessário tomar alguns cuidados para evitar manchas e oxidações. Estas podem ser irreversíveis e reduzem o valor do seu veículo na hora da revenda.

Então, preste atenção nas dicas de Marcos, criador da AcquaZero, rede de franquias especializada na área de limpeza e conservação automotiva, que tem mais de 240 unidades espalhadas pelo País. Com essas dicas ficará muito melhor cuidar e deixar seu possante sempre com cara de novo na hora de fazer a revenda.

Estacionar o carro embaixo de árvores é ruim

Outro elemento que devemos considerar para conservar a pintura dos veículos é o local onde estacionamos. Parar embaixo de uma árvore, por exemplo, pode não ser o melhor lugar. As flores e folhas podem liberar um tipo de resina que é prejudicial à pintura do veículo. São substâncias ácidas que danificam a pintura do carro caso não sejam removidas logo. Se esses resíduos ficarem por muito tempo na lataria e ficarem expostos ao sol, o processo pode ser acelerado.

Insetos danificam a pintura de forma irreversível

Se você anda com seu carro em rodovias freqüentemente, principalmente no período noturno, fatalmente ele será vítima dos insetos. Os bichos grudam nos faróis, grades e pintura do veículo. Seus fluídos podem danificar a pintura de forma irreversível caso não sejam removidos em até três dias.

Derramamentos acidentais de gasolina

Quando ocorrem derramamentos acidentais de gasolina na pintura é necessário que o local atingido seja lavado com água imediatamente. Se isso não for feito, o verniz pode ser danificado de forma irreversível. Por isso, recomenda-se, também, um enceramento na parte atingida.

Fezes de pássaros

As fezes dos pássaros são muito ácidas e comuns. Elas podem causar danos irreversíveis na pintura do seu carro caso não haja uma intervenção rápida. Portanto, ao identificá-las, lave o local rapidamente.

Vitrificação de Pintura

A vitrificação é um serviço muito recomendado para a preservação da pintura do veículo. Além do brilho, o serviço traz uma excelente proteção para o verniz, protegendo contra males do tempo e todos os itens citados acima. Ela funciona como uma película de celular. É uma camada de vidro aplicada sobre o verniz, protegendo e aumentando a vida útil da pintura do seu carro. Além disso, com função de hidrorepelência (a água não fica parada na lataria do veículo), seu carro permanece limpo por mais tempo e facilita a limpeza do mesmo. É muito importante tomar cuidado na compra deste serviço no mercado, pois hoje muitos selantes são vendidos como vitrificadores, porém não trazem o mesmo resultado.

Limpeza ecológica

Se preocupar com a forma como o seu veículo é limpo faz toda a diferença. Muitas vezes, por falta de conhecimento, a limpeza é feita de forma incorreta, o que pode causar danos na pintura. É recomendado, para carros de uso diário, que o serviço seja feito semanalmente. A utilização do composto (de cera) é interessante, pois quando removido não prejudica a pintura. Além de ser totalmente biodegradável ele deixa a pintura menos abrasiva. Faça isso e venda seu carro como novo.

Quem faz muito off road deve ficar atento e logo após a trilha fazer a lavagem completa; areia e lama são vilões e prejudicam muito a pintura foto: andré marinho

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.