DOG DAY

Dia de levar o cachorro para as trilhas off-road

Iniciativa inédita de concessionária Sol Suzuki compartilha emoções com seu animal de estimação

00:00 · 09.04.2018 por André Marinho - Editor
Image-2-Artigo-2384541-1
Antes do passeio, veja o meio de transporte ideal para que ele não tenha problemas dentro do carro e não se machuque; veja com o veterinário se o cachorro está bem e peça orientação em relação a alimentação antes do passeio ( FOTO: ARQUIVO )
Image-0-Artigo-2384541-1
Trilhas com dunas e areia vão fazer parte do passeio, que será bem leve e com poucos solavancos ( Fotos: André Marinho )
Image-1-Artigo-2384541-1
Este passeio com os cachorros só vai poder ser feito por quem tem carro da marca Suzuki

Quem ama trilhas off-road tem um motivo a mais para continuar amando: uma iniciativa inédita no Brasil acontece próximo sábado, dia 14, em Fortaleza. A concessionária Suzuki Sol preparou um raid com a participação dos cachorrinhos de estimação dos trilheiros. Tudo começa 13h, no ponto de encontro na própria concessionária.

A partir daí, emoções rumo ao Porto das Dunas, passando pela Praia do Futuro (Sabiaguaba) e finalizando com uma bela confraternização em um espaço que privilegia a natureza e a convivência de todos os cachorros participantes na Lagoa Redonda.

Durante a parada, os cachorros e trilheiros serão recebidos para um coquetel e um adestrador de cães fará brincadeiras e dará dicas para os donos de cachorros, num momento que será inesquecível e renderá muitas fotos, com certeza.

Segundo um dos organizadores, o gerente de vendas da Suzuki Sol, Cesar Gioseffi, a expectativa é da participação de 30 carros e cerca de 70 pessoas, e 28 dogs, é claro. "Todos os clientes da Suzuki estão convidados, para participar basta ter um 4x4, levar o cachorro e doar um quilo de ração", lembra.

Ele salienta que a ideia é de um grande encontro entre os clientes que gostam de off-road e amam seus cachorros, um momento família: "que já está com grande adesão e interesse do público".

A previsão é que o evento termine 16h. "Serão três horas de muita emoção, mas sem adrenalina, pois na trilha os carros não vão balançar muito, os donos dos cães podem ficar tranquilos que vamos privilegiar a segurança de todos". Ele também reforça que qualquer raça ou tamanho de cachorro está convidado, desde que o animal seja dócil e não tenha o instinto de ataque em relação aos cachorros menores.

Dicas

Para quem vai participar algumas dicas. Cachorro no carro não é novidade para você que é jipeiro. Estou certo? Todo jipeiro é amante da natureza. Por consequência, têm uma especial afeição pelos animais.

Seus melhores amigos participam e ajudam a preparar a viagem. Desde o mecânico especializado no qual você confia, passando pelos companheiros de estrada, até seu cachorro. Amigo fiel, presença constante em sua vida. O quê??? Você não sabe como ele ajuda?Quem é que corre para lá e para cá latindo alegremente quando te vê mexendo no carro? E os latidos, os abanos de rabo, os pulinhos e os olhares? É a contribuição de seu fiel companheiro canino. E tudo isto só indica uma coisa: ele também quer ir. Mas, e aí? Você sabe o que fazer para levar o cachorro no carro?

Um passeio de carro levando o bichinho de estimação junto já é um tanto complicado, imagina então, quando se trata de trilha ou expedição off-road! Naturalmente que cuidados se fazem necessários. Afinal, seu cachorro não tem tração nas 4 patas. Alguns cuidados são necessários para garantir que seu bichinho pegue a estrada com você. Primeiro é preciso pensar na forma de transportá-lo.

Isto vai depender de seu tamanho e até mesmo de sua raça. Algumas espécies são mais resistentes que outras e suportam melhor alterações de clima e diferenças ambientais. Mas, atualmente já existem muitas formas de transportar cães nos veículos, com conforto e segurança.

No dia da viagem seu cachorro deve ser alimentado bem antes da hora de sair. E nada de comidas diferentes da ração ou alimento a que ele já está acostumado. Deste jeito não haverá problemas de enjoos, vômitos e mal-estar.

Não se esqueça de levar sua ração, seu pote para comida e sua caixa de dormir se for o caso. Para conduzir o animal providencie cintos de segurança peitoral, caixas ou gaiolas de transporte. Existem caixas de transporte especiais para cães de vários tamanhos. Porém, não é uma boa pedida para os muito grandes.

Para estes, talvez seja melhor o cinto de segurança peitoral. Ele serve principalmente aos de porte médio e grande. O uso é simples. Um adaptador prende o peitoral à fivela do cinto de segurança, no banco traseiro do carro. Será preciso ajustar a alça corretamente para que não fique muito apertada nem frouxa demais, para que o cão não caia do banco.

Leve ao veterinário antes de viajar. Ele é o mais indicado para orientá-lo sobre como zelar pelos bichinhos durante a viagem. Ele pode receitar remédios contra enjoos e informar sobre: as vacinas, vermífugos, carrapaticidas e outros tratamentos a fazer para garantir a boa saúde do animal.

Afinal, você não vai querer que seu amigão volte contaminado por parasitas, bactérias ou algum verme, não é? Quer saber se isto acontece? Sim e com muita frequência. Descuidos podem acarretar um destes problemas. Fez tudo certo: então agora é só emoção!

Mais informações:

Suzuki Dog Day. Dia 14 de abril, sábado, 13h, na Concessionária Sol Suzuki (Av. Santos Dumont,6211 - Fone: 85-3265-8585).

Inscrição: Doação de 1kg de ração

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.