Painel de instrumentos: entenda os ícones de alerta

Fique atento aos sinais do seu carro. O Caderno Auto conversou com um especialista e reuniu os símbolos mais frequentes . Confira abaixo

painel

O momento da partida da chave é crucial para leitura do sistema do carro, inclusive nos modelos mais modernos o painel avisa que essa primeira virada, antes do motor ligar de fato, serve para fazer a checagem. "Em veículos a diesel, isso é totalmente necessário, porque ele vai fazer o aquecimento do combustível, para a partida. No caso dos carros a gasolina, etanol e gás natural existe a vela de ignição. É a centelha da vela que causa explosão. Como o diesel não tem centelha, é feita a pressão no combustível para ter a explosão. Pode explodir sem ser aquecido, porém vai ter mais dificuldade", explica o consultor técnico Eduardo Uchôa.

Nessa primeira virada, é preciso atentar-se às luzes que acendem e as que deixam de aparecer. Ao mesmo tempo que, depois da partida, é preciso prestar atenção em quais sinais permanecem iluminados. Conheça abaixo os principais sinais.

Freio de mão puxado (1)

O mesmo sinal do freio de estacionamento acionado também pode servir, em alguns carros nacionais, para dizer que o fluido de freio está baixo, podendo acontecer por desgaste nas pastilhas de freio ou por vazamento. No primeiro caso, basta trocar as pastilhas ou lonas, já no segundo é preciso identificar e reparar o vazamento, e o líquido reposto.

Airbag (2)

Se ele não tiver sido deflagrado, a luz mostra que o sistema não reconhece o airbag, fazendo com que em caso de acidente, mesmo que esteja tudo instalado corretamente, não abra a bolsa. A falta do seu reconhecimento, de acordo com Eduardo, pode vir de um alinhamento. "Eles podem retirar a direção para fazer ajuste, não colocando na posição correta e acabam quebrando o jogo de fios, porque tem um número correto de voltas. Então, ele passa a informação ao carro que a bolsa está deflagrada", explica.

Temperatura (3)

Se o símbolo acender, não insista em dirigir, mesmo que o destino seja a oficina. Ele indica problema no resfriamento do motor, seja por não ter disparado o eletro ventilador ou por vazamento da água do radiador. Se for necessário deslocar-se até um especialista, utilize um reboque.

Injeção (4)

Todo e qualquer erro que aconteça no sistema elétrico do motor, ligado ao combustível, essa luz vai acender. Por exemplo, pode ser nas bobinas de ignição, nas velas ou nos bicos injetores. E geralmente no modelo Volkswagen tem ainda o EPC, ligado ainda à parte elétrica, sendo que mais sensível que o outro símbolo. A sugestão do Eduardo é quando essa luz ligar, verificar logo se tem alguma luz queimada, seja faróis, lanternas ou até mesmo a luz da placa. Se não for, averiguar a origem com um especialista, principalmente se acender junto com o da injeção.

Lembrete

Vale ressaltar que os sinais podem variar conforme ano, marca, modelo, tipo de combustível e até mesmo devido a inclusão de mais tecnologia ao longo dos anos. É o caso de nascimento de novos símbolos ligados ao monitoramento da pressão dos pneus, do indicador do aviso de faixa, assistente de partida em rampa ou controle de estabilidade e tração. A dica é prestar atenção ao manual, onde constam as respostas de cada um dos símbolos.

arte