Mito veloz

Chevrolet Camaro ganha nova geração com câmbio de 10 velocidades.

CAMARO

Revelado pela primeira vez durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro passado, o Camaro já está em pré-venda no Brasil, mas só chega nas concessionárias em fevereiro de 2019. O motor é o mesmo 6.2 litros, V8, com 461 cv de potência. O Novo Camaro diferencia-se também pelo visual mais imponente e esportivo.
Na dianteira, essa percepção dá-se pelos novos faróis, capô, grade e para-choque. Os projetistas usaram de criatividade para integrar os elementos estéticos, por meio da profusão de formas, dimensões, materiais e cores distintas. Buscou-se também evoluções aerodinâmicas - razão da gravata Chevrolet vazada. 
O mesmo conceito foi aplicado na parte traseira. As lanternas, aliás, mostram a evolução do conceito “dual-element” da Chevrolet e harmonizam com o para-choque mais musculoso.
Na lateral, o diferencial fica por conta das rodas aro 20 com escultura e acabamento inéditos. Outro avanço está na nova transmissão, automática sequencial de 10 marchas, que substitui a anterior, de oito. Traz ainda a função “launch control”, para arrancadas bruscas com a máxima eficiência em autódromos, por exemplo. O modelo conta com quatro modos de condução: Passeio, que privilegia o conforto; Sport, que foca no desempenho esportivo; Pista, para performance máxima em circuitos fechados; e Neve, para pisos de baixa aderência. Para segurar o foguete, freios Brembo, com discos enormes e quatro pistões
de acionamento.
O superesportivo adotou a nova geração do sistema multimídia MyLink da Chevrolet, do retrovisor central com câmera de ré para melhor visibilidade em  manobras e o alerta de colisão frontal. No modelo conversível, a abertura da capota pode ser comandada pela chave, sendo aberta completamente em 25 segundos.

Destaques
. O Camaro teve mais de 6 mil unidades emplacadas no Brasil desde  2010, quando foi lançado aqui.

. O modelo conta com quatro modos de condução: Passeio, que privilegia o conforto; Sport, que foca no desempenho esportivo; Pista para performance máxima em circuitos fechados; e Neve, para pisos de baixa aderência.

. O motor é o mesmo 6.2 litros, V8, com 461 cv de potência; câmbio mudou e tem agora 10 velocidades.

Ficha Técnica:
MOTOR: 6.2L, V8
POTÊNCIA: 461 cv
CÂMBIO: Automático, 10 velocidades
0-100 KM/H: 4,2 segundos
VELOCIDADE MÁXIMA: 290 km/h (limitada eletronicamente)
PREÇO: R$ 310 mil (estimado)