Requalificação

Galpões da José Avelino receberão alvarás em 15 dias

O prefeito Roberto Cláudio fez o anúncio durante evento da entrega das obras de requalificação

A obra de requalificação da Rua José Avelino foi responsável pelo resgate histórico e urbanístico de uma das ruas mais antigas do Centro ( Foto: Kid Júnior )
01:00 · 07.10.2017 por João Lima Neto - Repórter

Cercada por seguranças e guardas municipais, o prefeito Roberto Cláudio entregou as intervenções de mobilidade, saneamento e paisagismo da Rua José Avelino e Avenida Alberto Nepomuceno, na manhã de ontem. Durante vistoria das vias, comerciantes e ambulantes acompanharam o evento. O gestor municipal afirmou também que em 15 dias estará entregando os alvarás de funcionamento de galpões que cumpriram as normas de segurança. O Município ainda estuda criação do Museu da Moda com comerciantes.

"Em 15 dias emitiremos os alvarás de funcionamento de todos os galpões que se adequaram as regras da cidade. O meio termo, a conciliação e o interesse coletivo pode ganhar. Ao mesmo tempo que o comércio atacarejo também pode se manter forte", declarou Roberto Cláudio. Conforme o gestor, estão sendo estudados a criação de uma rota de turismo com linhas exclusivas e programação cultural para a Rua José Avelino e o entorno com o objetivo de aquecer a economia da região.

Segundo Martinho Batista Neto, presidente da Associação dos Gestores de Empreendimentos do Polo de Negócios da Rua José Avelino e Adjacências (AJAA), ao todo são 90 galpões, mas atualmente na associação estão ativos 20 espaços. "Estamos finalizando com a Prefeitura a documentação que vai de licença sanitária a do Corpo de Bombeiros".

Orçadas em R$ 2 milhões, as obras na Rua José Avelino e Avenida Alberto Nepomuceno permitiram a substituição de toda a iluminação da região, que passou a contar com novos postes e lâmpadas em LED, calçadas mais largas e acessíveis, ciclofaixa, ecoponto, recapeamento asfáltico, pavimentação e paisagismo ao longo dos passeios e canteiro central.

A obra de requalificação da Rua José Avelino foi responsável pelo resgate histórico e urbanístico de uma das ruas mais antigas do centro da cidade. A intervenção contou com a construção de novas calçadas, drenagem e a restauração de toda a via histórica, com a preservação da demarcação do trilho do antigo bondinho e a recolocação das pedras originais da via, conforme previsto em projeto. A obra teve autorização e supervisão da Secretaria Municipal da Cultura (Secultfor), por se tratar de uma via tombada.

Urbanização

A Avenida Alberto Nepomuceno, um dos principais corredores turístico do Centro, passou por urbanização completa, com novas calçadas, recapeamento asfáltico, faixas elevadas para pedestres, ciclofaixa bidirecional e novo canteiro central. Quem deseja visitar a Catedral Metropolitana de Fortaleza e o Mercado Central, passa a contar com uma via totalmente acessível. Além da Avenida Alberto Nepomuceno, outras quatro ruas da região foram asfaltadas, como as ruas Conde D'eu, Rufino de Alencar, Sobral e Travessa lcó.

Para facilitar a travessia de pedestres, a obra contou ainda com a instalação de cinco faixas elevadas, construídas no mesmo nível das calçadas. Os novos equipamentos estão localizados na Av. Alberto Nepomuceno, Travessa Icó e nas ruas Bóris, Baturité e Castro e Silva, permitindo o acesso seguro de pedestres à Catedral Metropolitana de Fortaleza e as vias do entorno do Mercado Central.

Em julho último, o Centro ganhou seu primeiro Ecoponto. Em apenas três meses de funcionamento, o equipamento já recebeu mais de 15,6 toneladas de materiais. Entulhos somaram cerca de 12,3 toneladas, enquanto plástico, vidro, metal, papel e papelão foram responsáveis por cerca de 3,2 toneladas.