Exposição

Universo indígena contemporâneo

Sobrado Dr. José Lourenço recebe, neste sábado (20), mostra do artista Benício Pitaguary

00:00 · 19.05.2017
Uma das imagens presentes na exposição e a fachada do Sobrado Dr. José Lourenço. "A ideia de pintar o corpo é afirmar-se indígena. Benício propõe uma descolonização permanente do pensamento", frisa o autor Benício Pitaguary

Não é uma arte primitiva. É um debate contemporâneo - é o que afirma Carolina Ruoso, curadora da exposição de Benício Pitaguary, que leva o nome do artista. A fim de romper com estereótipos e estigmas do passado, ele leva ao Sobrado Dr. José Lourenço um pouco de sua arte e vivência.

"Nós estamos tratando principalmente do trabalho do Benício de pintura corporal, desde a fabricação da tinta jenipapo", explica Carolina, ressaltando a parceria do artista com o Museu Indígena Pitaguary, buscando instigar o público a pensar e sentir a partir dos campos geopolítico e "cronopolítico" derivados da arte, não deixando de lado os processos históricos e de luta do Povo Pitaguary.

Aqueles que forem prestigiar a abertura da exposição, neste sábado (20), também poderão participar do Café do Zé, uma das tradicionais atividades do Sobrado, que busca integrar artistas, críticos de arte, curadores, professores, pesquisadores, produtores e gestores culturais.

Discussão

Benício também apresentará uma performance, em dias ainda a serem definidos pelo artista, levantando uma discussão sobre memória, identidade e corpo. "A ideia de pintar o corpo é afirmar-se indígena. Benício propõe uma descolonização permanente do pensamento", destaca a curadora.

"Acredito que é importante fazermos um debate sobre o que é uma arte descolonial. É preciso ainda muito trabalho pra que alcancemos o respeito, pra que a gente rompa com muitos estereótipos", prossegue Carolina, apontando para um crescimento, ainda que tímido, da participação dos povos indígenas em festivais e grandes eventos, como ocorreu na Bienal Internacional do Livro do Ceará este ano.

"Eles estão cada vez conquistando mais espaço e a gente precisa quebrar a ideia de que são povos primitivos. São povos que têm muito a contribuir para o Brasil e para o mundo e têm toda a capacidade de potencializar a riqueza da nossa cultura", conclui.

Visibilidade

Estudante de Geografia na Universidade Federal do Ceará, Benício destaca que a visibilidade conquistada pelos povos indígenas atualmente advém do próprio povo. "Por parte do Estado, a gente não tem visto muita iniciativa", critica, comentando ainda sobre os demorados e burocráticos processos de demarcação de terras. "Os índios, hoje, são um dos povos que mais tem sofrido, mas continuam lutando".

Constantemente trabalhando pela preservação da cultura na qual nasceu, Benício também busca resgatar alguns valores despertados pela referida arte. "As pinturas corporais são uma pesquisa individual que faço sobre como elas podem ser vistas como fator de identidade de uma etnia. Ando fazendo oficinas pelo Brasil sobre esse assunto, principalmente em aldeias que não têm essa cultura tão forte", relata.

Benício também ressalta o trabalho de pesquisa realizado pelo Museu Indígena Pitaguary - lugar que, através da arte, da criação, da pesquisa histórica e ambiental, conta a trajetória do Povo Pitaguary.

"Na exposição, também vamos mostrar alguns processos históricos de luta mesmo dos Pitaguary e vamos falar do museu, da museologia indígena".

A exposição, que segue em cartaz até 17 de junho, conta ainda com duas importantes presenças: Janete Melo, que pensará uma instalação inspirada na floresta e suas referências ancestrais para o projeto; e Clécia Pitaguary, que trará seus filtros dos sonhos para compor a narrativa artística sobre a história dos Pitaguary.

Além disso, o dinheiro arrecadado com a venda das pinturas de Benício será doado para o museu, que atualmente passa por processo de reforma.

Mais informações:

"Exposição Benício Pitaguary"

De 20 de maio a 17 de junho. Abertura às 10h no Sobrado Dr. José Lourenço (R. Major Facundo, 154, Centro). Acesso gratuito. Contato: (85) 3101.8826