Uma história crítica

Em "Grande Hotel Abismo", Stuart Jeffries biografa, de forma acessível, a Escola de Frankfurt