2018, um ano sangrento: chacinas, facções e operações desastrosas

Ano termina com sequência de crimes que aterrorizou a população. Em seis chacinas, 62 pessoas assassinadas. Diretoria da Sejus também se envolveu em escândalo