14 pessoas mortas na maior chacina do Ceará

Fontes da Polícia Militar afirmaram que o ataque aconteceu por homens da facção criminosa Guardiões do Estado (GDE) contra integrantes do Comando Vermelho (CV). Pessoas não ligadas ao crime organizado e que estavam no local do massacre, o "Fórró do Gago", foram atingidas