Xilogravura do Cariri resiste e se reinventa a cada dia

Há dois anos e meio no Centro Multiuso, a Lira Nordestina passou por vários prédios, desde a antiga estação de trem, até o Centro de Artes