Vereadores votaram as matérias polêmicas