Opositores podem apoiar ex-aliado