Comissão da Câmara aprova restrição de foro a chefes dos três Poderes

A proposta ainda será apreciada pelos plenários da Câmara e do Senado. Se a medida for aprovada, o foro privilegiado ficará restrito a cinco autoridades