China será assunto de 1º encontro de Bolsonaro com americanos

Em queda de braço com os chineses, os EUA querem o novo governo brasileiro como um aliado contra o que consideram o "comércio predatório" do país asiático